Kremlin reconhece risco de ataques ucranianos na Crimeia

As autoridades russas anunciaram esta quinta-feira que tinham abatido um drone ao largo do porto de Sevastopol, na Crimeia.

O Kremlin reconheceu esta quinta-feira que existe um risco de ataques ucranianos às suas posições na Crimeia, uma península anexada por Moscovo em 2014 e alvo, nas últimas semanas, de vários ataques com drones.

"Há riscos, porque o lado ucraniano continua a seguir a sua linha de organizar ataques terroristas", disse aos jornalistas o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

As autoridades russas anunciaram esta quinta-feira que tinham abatido um drone ao largo do porto de Sevastopol, na Crimeia.

A invasão russa - justificada por Putin com a necessidade de "desnazificar" e desmilitarizar a Ucrânia para segurança da Rússia - foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que tem respondido com envio de armamento para a Ucrânia e imposição à Rússia de sanções políticas e económicas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG