Centenas de soldados renderam-se aos talibãs no aeroporto de Kunduz

Durante a noite, a cidade de Faizabad, no extremo da região nordeste do país, foi tomada pelas forças talibãs, confirmou Zabihullah Attiq, deputado na província de Badakhshan.

Centenas de elementos das forças de segurança afegãs retiraram-se da área do aeroporto da cidade de Kunduz, no nordeste do Afeganistão, e renderam-se às forças talibãs, disse à France Presse um conselheiro provincial.

"Hoje de manhã centenas de soldados, polícias e membros das forças de resistência (milícias governamentais) que se encontravam no aeroporto renderam-se aos talibãs com todo o equipamento", disse Amruddin Wali, conselheiro da província de Kunduz.

Durante a noite, a cidade de Faizabad, no extremo da região nordeste do país, foi tomada pelas forças talibãs, disse à France Presse, Zabihullah Attiq, deputado na província de Badakhshan.

Com a tomada de Faizabad, os talibãs dominam nove capitais provinciais em menos de uma semana de combates.

A ofensiva talibã começou em maio, com o início da retirada das forças dos Estados Unidos e da Aliança Atlântica, incluindo militares portugueses, e intensificou-se nos últimos dias, em todo o país.

A ofensiva está a provocar uma vaga de deslocados internos e de refugiados.

Na terça-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou não se arrepender de concluir a retirada das tropas norte-americanas do Afeganistão, e que os afegãos "devem lutar por si mesmos".

"Não me arrependo da minha decisão", afirmou Biden, num momento que os talibãs continuam a conquistar território às forças governamentais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG