Pacote laboral: PS pede acordo de princípio aos parceiros de esquerda

Tiago Barbosa Ribeiro sublinhou que o acordo de concertação social "não é imutável" e admitiu que pode ser melhorado na discussão na especialidade.

O PS pediu esta sexta-feira aos parceiros de esquerda um acordo de princípio para alterações a efetuar na especialidade em relação às leis laborais, frisando que o acordo de concertação social celebrado pelo Governo “não é imutável”, admitindo que o documento possa ser melhorado na discussão na especialidade.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG