Joana Marques Vidal: “Corrupção não pode ser bandeira dos movimentos populistas”

Era o debate mais esperado do segundo dia das Conferências do Estoril. No mesmo palco, a ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, a ex-procuradora Geral da República, Joana Marques Vidal, e o ministro da Justiça do Brasil, Sérgio Moro, falaram sobre o desafio que é equilibrar a democracia com a luta contra a corrupção. A ministra da Justiça de Cabo Verde, Janine Lélis, completou o painel.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG