Apesar da queda, João Almeida mantém camisola rosa no Giro

Na geral individual, João Almeida, que cortou a meta no 25.º lugar, integrado no pelotão, segue com a camisola rosa vestida, com 43 segundos de vantagem para o espanhol Pello Bilbao (Astana)

O português João Almeida manteve nesta quinta-feira a camisola rosa na Volta a Itália. Apesar de ter sofrido uma queda na fase inicial da sexta etapa, o ciclista conseguiu recuperar e chegar integrado no grupo da frente. A etapa foi ganha ao sprint pelo francês Arnaud Démare (Groupama-FDJ).

Démare, que já tinha vencido a quarta tirada, triunfou nos 188 quilómetros entre Castrovillari e Matera, após 4:54.38 horas, num sprint em que cortou a meta bem à frente do australiano Michael Matthews (Sunweb), segundo classificado, e do italiano Fabio Felline (Astana), terceiro.

Na geral individual, João Almeida, que cortou a meta no 25.º lugar, integrado no pelotão, segue com a camisola rosa vestida, com 43 segundos de vantagem para o espanhol Pello Bilbao (Astana), segundo colocado, e 48 para o holandês Wilco Kelderman (Sunweb), terceiro.

Na sexta-feira, uma etapa plana liga Matera a Brindisi, ao longo de 143 quilómetros, sem contagens de montanha, em nova oportunidade para os 'sprinters', mas com a 'ameaça' de vento cruzado.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG