Joseph Gordon-Levitt: internet será a base para trabalho colaborativo

Joseph Gordon-Levitt na Web Summit

Ator fundador do projeto hitREcord está em Lisboa para a Web Summit

O ator e empreendedor norte-americano Joseph Gordon-Levitt afirmou esta segunda-feira, no arranque da Web Summit, em Lisboa, que a próxima geração irá utilizar a tecnologia e a Internet não para socializar, mas para criar e trabalhar em conjunto.

Joseph Gordon-Levitt, conhecido sobretudo como ator, está na Web Summit, a conferência internacional sobre tecnologia, inovação e empreendedorismo, enquanto fundador da hitREcord, o projeto colaborativo em torno da criação artística coletiva que fundou há mais de uma década.

A hitRECord funciona como uma comunidade 'online', na qual todos os membros podem colaborar no desenvolvimento de um projeto - seja um livro, um filme, uma canção - e no final podem ser remunerados.

Em dez anos, o projeto conta com membros de mais de cem países e já permitiu a distribuição de mais de dois milhões de dólares de remunerações.

No Meo Arena, praticamente esgotado e com centenas de espectadores a partilharem em direto e em simultâneo 'online' tudo o que se passou na abertura, Joseph Gordon-Levitt disse que o futuro da utilização da Internet poderá ser mais colaborativo e menos narcisista.

"Atualmente só se pensa isoladamente. Ali [no hitRECord] é tudo colaborativo, tudo é feito para facilitar o trabalho em conjunto. (...) Claro que sabe bem ser pago, mas as pessoas interessam-se mais em fazer parte de uma comunidade, sincera, participativa. Faz-nos sentir bem", disse.

O ator e empreendedor acredita que a próxima geração de utilizadores da Internet fará também esse caminho de colaboração. "Vão fazer coisas em conjunto aquilo que não conseguiriam fazer sozinhos".

Gordon-Levitt, que recentemente interpretou o papel do informático Edward Snowden, no filme de Oliver Stone ("Snowden"), considera que tecnologia só é boa ou má dependendo de quem a usa. Afirmando que "é preciso ser muito otimista nos dias de hoje", o ator acredita que, no futuro, a tecnologia irá proporcionar mais liberdade e melhores condições para viver.

A Web Summit é uma conferência global de tecnologia, inovação e empreendedorismo que decorrerá até quinta-feira, onde estarão mais de 50.000 participantes, de mais de 165 países, incluindo mais de 20.000 empresas, 7.000 presidentes executivos e 700 investidores.

Entre os oradores, estarão os fundadores e presidentes executivos das maiores empresas de tecnologia, bem como importantes personalidades das áreas de desporto, moda e música.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Portugal
Pub
Pub