Pub

«A quinoa é muito parecida ao arroz doce», diz Valeria Olivari, enquanto mexe uma panela com quinoa caramelizada, para fazer uma versão da sobremesa peruana arroz zambito. O sotaque deixa adivinhar parte da sua origem: Valeria nasceu em Tacna, Peru, perto da fronteira com o Chile. Trabalhou com o reputado chef peruano Rafael Osterling, com o pasteleiro Paco Torreblanca em Madrid e passou pelo Vila Joya, no Algarve, e pelo Olivier Avenida, Lisboa, antes de se dedicar às empanadas e alfajores no Las Cholas, o atelier de cozinha que criou em Arroios. É a penúltima de seis irmãos e confessa que em casa nem havia grande tradição de cozinhar quinoa. «Comecei a usá-la já em trabalho. Só há poucos anos [...]

Partilhar
Pub

Mais

Os lisboetas, e não só, voltam a poder usufruir de uma das geladarias mais populares da cidade: a Conchanata. Criada em 1946 e registada em 1977, (pelos italianos Quintílio e Alfo Tarlattini, avô e pai, respetivamente) é hoje de Michele Tarlattini, e continua a chamar centenas de pessoas diariamente. Os gelados seguem a receita original, são 100% artesanais e confecionados apenas por Michele que começa a trabalhar os ingredientes de madrugada, para que a sua casa abra às 14h00. A essa hora por vezes a fila de clientes já se prologa pela Avenida da Igreja, em Alvalade. «Mas eu não posso fazer nada», explica o carismático italiano (faz questão em manter a nacionalidade dos avós). «As máquinas que uso - [...]

Partilhar

Máximo e Jorge Afione são dois irmãos com sotaque argentino que se revezam para atender todas as mesas do São Pedro 26. A mãe, Isabel Pinto, é a proprietária e quem comanda a cozinha. Os filhos vivem na Patagónia, mas passam longas temporadas em Sintra, terra natal da família materna, para ajudar no negócio. Em 2010, abriram o primeiro espaço no número 18. Alguns anos depois, Isabel decidiu subir a rua e instalar-se no 26, mesmo no Largo 1º de Dezembro, uma localização mais central e com esplanada. A decoração é despojada, mas os pormenores não foram esquecidos, com os quadros da avó Madalena pendurados por toda a sala do primeiro andar. «Queremos que o cliente se sinta mesmo à [...]

Partilhar

Mais popular