Jovens consomem menos álcool

O consumo de álcool entre os jovens diminuiu entre 2002 e 2014, diz a Organização Mundial de Saúde

O consumo de álcool entre os jovens baixou entre 2002 e 2014, segundo os dados recolhidos, trabalhados e hoje divulgados num estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS). Esses números incluem Portugal, onde se passou dos 16% de ingestão regular em 2002 para os 8% em 2014.

Foi nas raparigas que a descida foi mais acentuada, diz o estudo, citado pelo Público. É nas raparigas que a diferença é maior. Passaram dos 13% para os 4% de consumo reguilar. Nos rapazes, os 19% caíram para os 11%.

O objetivo do estudo era registar as variações de consumo de álcool em menores de 15 anos nos 12 anos que o estudo abarca, e que abarcou 36 países.

Mas quando se pergunta quando começou a ingestão de álcool, Portugal já não sai tão bem do retrato: 38% dos 1500 jovens inquiridos dizem que foi antes dos 13 anos. Mesmo que tenha diminuído, de 2002 para 2014. Eram 42% em 2002, 38% em 2014.

Ler mais

Exclusivos