Facebook desenvolve sistema de inteligência artifical que identifica memes ofensivos

Ferramenta dispõe de um software com capacidade para identificar texto em imagens

O Facebook está a desenvolver um sistema de inteligência artificial que permite aos moderadores identificarem memes considerados ofensivos.

Através de uma publicação num blogue, a rede social apresentou a Rosetta, um software com capacidade para identificar texto embutido em imagens e transcrevê-lo para um equivalente legível.

O sistema já está a ser testado no Facebook e no Instagram, estando a transcrever texto de mais de mil milhões de imagens e vídeos por dia.

Os dados recolhidos pelo Facebook são úteis para identificar os tipos de conteúdos partilhados nas publicações e os posts mais vistos. Desta forma, será possível otimizar o feed de notícias para os utilizadores.

Apesar de este tipo de ferramentas não ser novo, o Facebook viu-se obrigado a colocá-las em serviço, atendendo à quantidade de imagens com que os moderadores da rede social têm de lidar diariamente.

Ler mais

Premium

João Almeida Moreira

Bolsonaro, curiosidade ou fúria

Perante um fenómeno que nos pareça ultrajante podemos ter uma de duas atitudes: ficar furiosos ou curiosos. Como a fúria é o menos produtivo dos sentimentos, optemos por experimentar curiosidade pela ascensão de Jair Bolsonaro, o candidato de extrema-direita do PSL em quem um em cada três eleitores brasileiros vota, segundo sondagem de segunda-feira do banco BTG Pactual e do Instituto FSB, apesar do seu passado (e presente) machista, xenófobo e homofóbico.