Facebook, Google, Twitter e Microsoft reunidas para discutir eleições

Facebook, Twitter, Snapchat, Google e Microsoft entre as empresas que estarão presentes na reunião

A iniciativa partiu do chefe de política de segurança online do Facebook, Nathaniel Gleicher, que, na semana passada, enviou convites às maiores 12 empresas de tecnologia com vista à discussão de formas de preparação para as eleições de 2018.

O BuzzFeed News teve acesso ao email do convite, onde Gleicher escreve: "Como mencionei a alguns de vós nas últimas semanas, temos procurado marcar uma discussão sobre as operações de informação, proteção de eleições e o trabalho que todos estamos a fazer para enfrentar tais desafios".

A reunião, que terá lugar na sede do Twitter, em São Francisco, pretende que cada empresa apresente o trabalho que tem vindo a desenvolver no combate às operações de informação, seguindo-se um período de discussão sobre eventuais os problemas existentes. Será ainda colocado em causa uma eventual regularização de reuniões como esta, de forma a aumentar a preparação das empresas.

Em maio deste ano, nove dessas empresas já tinham estado presentes numa reunião com objetivos semelhantes. Essa reunião, que contou com a presença de dois representantes do governo (Christopher Krebs e Mike Burham), não obteve grandes resultados.

Ultimamente, as empresas de tecnologia têm sido pressionadas sobre as respostas que deram a operações estrangeiras que usaram as suas plataformas com vista à manipulação da população nas eleições de 2016.

Na última semana, como adianta o BuzzFeed News, o Facebook e o Twitter publicaram o desmantelamento de uma rede de sites de fake news que tinha como objetivo melhorar a imagem do governo iraniano.

Ler mais

Exclusivos