Adidas vai produzir 11 milhões de ténis com lixo dos oceanos

Marca alemã começou a produzir ténis com plástico - que representa quase 80 por cento do lixo marinho - em 2017

A Adidas anunciou que vai duplicar a produção de ténis feitos a partir do plástico retirado dos oceanos e promete produzir 11 milhões de pares.

Eric Liedtke, do conselho executivo da marca, disse que esta decisão é uma resposta aos consumidores, que estão cada vez mais preocupados com o ambiente e com aquilo que compram. Segundo dados divulgados pelas Nações Unidas, o plástico representa 80% do lixo marinho - a estimativa é que em 2050 haja mais resíduos nos mares do que peixes.

Nos últimos dois anos, a marca desportiva vendeu cerca de seis milhões de ténis produzidos com esta matéria-prima.

Desde 2015 que a Adidas trabalha em estreita colaboração com ambientalistas. Em 2016 a Adidas fez uma parceria com a Parley, empresa norte-americana que aposta no uso de plástico reciclado. Nessa altura, a gigante alemã anunciou que até 2024 todos os seus produtos deverão conter plástico reciclado.

Por outro lado, a Adidas tem uma parceira com a estilista britânica Stella McCartney, conhecida pelas suas preocupações ambientais.

Os primeiros ténis feitos de lixo dos mares foram lançados em 2017 - só nesse ano vendeu-se um milhão de pares e aquela que era para ser uma linha promocional para sensibilizar os consumidores acabou por ficar. O CEO da Adidas, Kasper Rorsted, explicou então que no fabrico de um par de ténis eram usadas 11 garrafas de plástico.

A fase de produção é outra das preocupações da empresa que está a usar materiais sustentáveis com vista a diminuir as emissões de dióxido de carbono para a atmosfera e a redução de resíduos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG