RTP "abandona" projetos de produtores independentes

A estação pública vai abandonar a produção de documentários por falta de dinheiro e só retomará a opção depois de definidas as condições de acesso aos fundos do ICA

A produção de obras documentais para a RTP está a ser suspensa. Numa carta enviada aos produtores e a que foi possível ter acesso, o responsável pela pasta, Jorge Wemans, afirma que o canal "não tem dinheiro para apoiar a produção de documentários por produtores independentes". A indicação foi dada por Luís Marinho, diretor-geral, e na carta fica vincada a "decisão genérica de abandono deste campo por parte da RTP".

Ao que foi possível apurar, estarão a ser interrompidas cerca de "uma dúzia de projetos, sem contar com os que já estavam apalavrados". Fonte oficial nega "política de cortes nos documentários" e Jorge Wemans recusa prestar declarações.

A aposta só será retomada, ainda de acordo com a mesma nota, quando forem clarificadas "as condições de acesso aos fundos do Instituto o Cinema e do Audiovisual" e da regulamentação da Lei. Recorde-se que a RTP tem quotas de produção independente a cumprir.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG