'Os Simpsons' mata pai do palhaço Krusty

Ao contrário das principais apostas, que apontavam para o palhaço Krusty, a personagem sacrificada na série acabou por ser o pai deste, Rabbi Hyman Krustofski.

Como prometido, o arranque da 26.ª temporada de Os Simpsons nos EUA ficou marcado pela morte de uma personagem. No rescaldo deste episódio, a imprensa internacional destacou o facto de se ter criado grande expectativa em torno da morte de uma personagem que, afinal, tinha pouca presença na trama. The New York Post pergunta: "Quem era Rabbi Hyman Krustofski?", a revista Veja fala em "desilusão" e a Time optou mesmo por fazer um obituário para recordar que personagem era esta.

O Rabbi Hyman Krustofski fez pouco mais de meia dúzia de aparições na série de animação criada por Matt Groening. No episódio em causa, Krustofski morre ao oitavo minuto enquanto está a falar com o filho.

Dias antes da estreia da nova temporada, Al Jean, produtor executivo da série, já tinha esclarecido em declarações ao The Hollywood Reporter que a morte de uma das personagens tinha ganho uma repercussão algo exagerada. "Tentámos fazer um episódio mais emocional", disse.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG