'Lado a Lado' venceu um Emmy e chega a Portugal

Trama que venceu um Emmy em 2013 chega a Portugal já este domingo através do canal Globo. As protagonistas Camila Pitanga e Marjorie Estiano e os autores conversaram com o DN e mostram-se confiantes no sucesso da história.

Liberdade, emancipação da mulher, luta contra o racismo no Brasil do início do século XX. Surgimento das favelas, as origens do samba. São estes alguns dos temas fortes de Lado a Lado, nova novela que se estreia este domingo, pelas 20.00, no canal Globo, exclusivo Zon, em substituição de Cordel Encantado.

Argumentos que, na opinião de Camila Pitanga, farão Lado a Lado repetir o sucesso que teve no Brasil agora em território nacional. "É uma história linda, que retrata um período muito importante da história do Brasil, um período de transição e de transformações muito importantes. Um dos temas centrais é a afirmação da raça negra no Brasil, enquanto movimento de liberdade", começa por apontar ao DN Camila Pitanga, que na história dá vida a Isabel.

A mesma opinião tem Marjorie Estiano, a Laura de Lado a Lado: "É uma história muito brasileira mas ao mesmo tempo muito universal. Pelo conteúdo e é uma forma de as outras pessoas entenderem também o que passaram. E está contada de uma maneira muito próxima. Não impede o espectador contemporâneo de se envolver.".

Já os autores João Ximenes Braga e Cláudia Lage são perentórios ao afirmar: "os portugueses vão ficar rendidos a Lado a Lado", disseram ao nosso jornal.

Esta trama foi a vencedora do Emmy Internacional para Melhor Telenovela de 2013 e conta com um elenco de luxo, do qual fazem parte nomes como Thiago Fragoso, Lázaro Ramos ou Patrícia Pillar, entre muitos outros.

Ler mais

Exclusivos