"Crossbones" ressuscita o pirata Barba Negra

Protagonizado por John Malkovich, o formato da NBC sobre o famoso navegador dos sete mares chega a Portugal dia 29.

Reza a história que Edward Teach, mais conhecido por Barba Negra, morreu em 1718, às mãos de um capitão da marinha britânica. Mas a NBC não quis terminar a sua vida por aqui e tratou de o ressuscitar... na ficção.

Crossbones é o nome do novo formato da cadeia televisiva norte-americana que chega a Portugal, na terça-feira, 29, com o canal do cabo TV Séries. Protagonizada por John Malkovich, que tem assim o seu primeiro papel consistente numa série de televisão. Na trama, que se centra nas aventuras do famoso pirata Barba Negra, este sobreviveu ao ataque da armada britânica, em 1718, refugiando-se na ilha secreta de Santa Compana. Agora, em 1729, sob o nome de The Commodore, é quem detém o poder nesta ilha dominada por piratas. E já nem a sua barba é negra.

À procura do cronómetro de longitude, um poderoso instrumento que está nas mãos da marinha britânica e que promete mudar a sorte daqueles que navegam pelos sete mares, o famoso pirata vai arquitetar um ataque ao navio inglês onde segue a importante invenção. Não conta, no entanto, com os rápidos reflexos de Tom Lowe (Richard Coyle), um assassino enviado pelos seus inimigos britânicos, que rapidamente destrói esse cronómetro e mata o homem que o inventou, tornando-se o único a ter a capacidade de o reconstruir.

Leia mais na edição, de hoje, do DN

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG