Cowell pressionado para voltar a 'The X-Factor' britânico

Em 2011, Cowell deixou o seu cargo de jurado no 'The X-Factor' do Reino Unido para se focar apenas na versão americana do concurso. Agora, a rede televisiva inglesa ITV quer que Simon regresse às origens e coloca milhões de libras em jogo.

Os contratos televisivos de Britain's Got Talent e The X-Factor, dois programas da autoria de Simon Cowell, expiram no final deste ano. A ITV já iniciou negociações para renovar os dois contratos mas, em contrapartida, quer que o produtor volte a contribuir para o sucesso de The X-Factor.

Max Clifford, representante do milionário, já se pronunciou acerca do assunto: "Obviamente, todos os que estão relacionados com o programa querem o Simon porque ele oferece uma qualidade extra, nós percebemos isso, mas com os compromissos dele lá [EUA], simplesmente não consegue estar em dois sítios ao mesmo tempo", esclareceu.

Cowell arrecada cerca de 100 mil libras (cerca de 117 mil euros) por cada episódio do The X-Factor americano mas a ITV mostrou-se disposta a reduzir os custos de produção para oferecer uma proposta mais tentadora ao jurado.

Apesar disso, a esperança dos espectadores não deve ser alimentada já que, de acordo com uma fonte do canal britânico, Simon só voltaria ao Reino Unido se as audiências do programa americano baixassem drasticamente e impedissem a realização de uma nova temporada.

Exclusivos