Channel 4 e Discovery quebram regra em anúncios a àlcool

Autoridade Reguladora de Publicidade (ASA), do Reino Unido, lançou um aviso a quatro canais de televisão por emitirem publicidade a bebidas alcoólicas em programas para menores de 18 anos.

As normas publicitárias britânicas explicitam que os anúncios a bebidas alcólicas não devem surgir no ecrã em horários destinados a um público menor de idade.

O Channel 4, quebrou a regra ao emitir esse género de publicidade, por várias vezes, na altura em que séries como A Teoria do Big Bang ou Foi Assim Que Aconteceu ocupavam o ecrã. "Nós aceitamos o estudo da ASA relativamente a estes incidentes. Estamos neste momento a aplicar medidas de segurança adicionais contra estas ocorrências no futuro", assegurou um porta voz do canal.

Já o Discovery, foi criticado por patrocinar bebidas alcóolicas nos momentos em que transmitia a série científica Caçadores de Mitos, que é seguida por um público mais jovem. Ao contrário do Channel 4, este canal rejeitou o argumento da ASA e afirmou que o programa é dirigido a maiores de 18 anos.

Para além destes dois canais televisivos, também o Paramount e o Entertainment Networks foram acusados desta prática.

Exclusivos

Premium

Nuno Severiano Teixeira

"O soldado Milhões é um símbolo da capacidade heroica" portuguesa

Entrevista a Nuno Severiano Teixeira, professor catedrático na Universidade Nova de Lisboa e antigo ministro da Defesa. O autor de The Portuguese at War, um livro agora editado exclusivamente em Inglaterra a pedido da Sussex Academic Press, fala da história militar do país e da evolução tremenda das nossas Forças Armadas desde a chegada da democracia.

Premium

Ferreira Fernandes

A angústia de um espanhol no momento do referendo

Fernando Rosales, vou começar a inventá-lo, nasceu em Saucelle, numa margem do rio Douro. Se fosse na outra, seria português. Assim, é espanhol. Prossigo a invenção, verdadeira: era garoto, os seus pais levaram-no de férias a Barcelona. Foram ver um parque. Logo ficou com um daqueles nomes que se transformam no trenó Rosebud das nossas vidas: Parque Güell. Na verdade, saberia só mais tarde, era Barcelona, toda ela.