Humor "de risco" na nova grelha do canal Q

Rui Unas, Nuno Markl e Eduardo Madeira são algumas das apostas do canal das Produções Fictícias, dirigido por Nuno Artur Silva.

Humor arriscado e diferente. É esta a génese da nova grelha do Canal Q, da Meo, que arranca dia 29. Na programação agora renovada do canal das Produções Fictícias (PF) conta-se um total de 18 programas de originais.

"Queremos ser um canal de referência no entretenimento no universo do cabo, como a SIC Notícias está para a informação. Vamos ter um programa de humor diferente em cada dia da semana. Há aqui um lado de risco, estamos a testar formatos diferentes", afirmou Nuno Artur Silva, director das PF, durante a apresentação da nova grelha, esta manhã em Lisboa.

Rui Unas estreia a segunda temporada de Isto É O Quê?, um documentário sobre os bastidores do canal. Manuel João Vieira conduz Portugal Alcatifado, "um programa de sketches sério, mas destrambulhado", garante o músco. E Nuno Markl, por exemplo, tem a seu cargo Uma Macacada Qualquer. "É uma realidade alternativa em que acabo a minha carreira e só me resta ir para uma rádio local suburbana", disse Markl.

No Q há sempre espaço para o insólito. Pessoas Bonitas, outra das estreias, resume-se a filmar manequins portugueses a ditar frases ao acaso. "Toda a gente sabe que a beleza prende espectadores ao ecrã", atira, entre risos, Nuno Artur Silva.

E também Eduardo Madeira terá um programa no canal da Meo. "O Outro Lado dos Antípodas é um programa de viagens, por países que não existem", remata o humorista.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...