"Em Portugal os actores não podem ficar doentes"

A actriz sentiu-se "uma rainha" enquanto gravou no Brasil e admite que lá "se uma pessoa estiver doente mete um atestado e fica doente", o que não acontece em Portugal.

Carla Andrino regressou há quase dois meses do Brasil, onde esteve a gravar “Negócio da China”, mas já pensa em voltar ao Rio de Janeiro para um novo projecto. "Em breve voltarei ao Brasil. Em princípio, em 2010", revelou a actriz, que encontra em terras de Vera Cruz melhores condições de trabalho do que em Portugal. "Há subsídio de férias, subsídio de Natal, há recibos verdes, mas tudo é compensatório. Chega-se ao final do ano e há um cabaz de Natal para cada um. De seis em seis meses recebemos uma percentagem no nosso ordenado relativa ao lucro da empresa", acrescenta Carla Andrino. A actriz sentiu-se "uma rainha" enquanto gravou no Brasil e admite que lá "se uma pessoa estiver doente mete um atestado e fica doente", o que não acontece em Portugal. "Aqui, os actores não podem estar doentes, ficamos em casa. Se não trabalharmos, não ganhamos. Há pessoas em condições vergonhosas, com uma qualidade enorme, mas depois não têm trabalho", critica.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG