RTP reduz cargos de chefia em 33%

O conselho de administração da RTP aprovou na segunda-feira a nova estrutura organizativa da empresa, a qual reduz em 33% os cargos de chefia, disse hoje à Lusa fonte oficial do grupo de rádio e televisão estatal.

A reorganização do modelo de governação, de acordo com a mesma fonte, visa a "adaptação da estrutura diretiva à realidade atual e necessidades da empresa", com três objetivos: a uniformização das funções, simplificação da estrutura organizativa e redução da estrutura diretiva e respetivos cargos dirigentes.

Com a nova estrutura são extintos dois gabinetes - o de apoio às operações regionais e internacionais e o de internacionalização e cooperação - e sete direções: marketing e comunicação; audiências, estudos e formação; engenharia; coordenadora de informação; canais internacionais; antenas internacionais e a da aquisição e controlo de grelha.

No âmbito da reorganização do modelo de governação foram identificadas cinco áreas de atividade dentro do grupo RTP: serviços partilhados; suporte à atividade; meios técnicos e operacionais; área editorial e de conteúdos e centros regionais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG