Sindicato dos Jornalistas contra novo modelo do Governo

Depois do encontro de Miguel Relvas com a administração da RTP, o SJ apela à mobilização dos trabalhadores das empresas de comunicação social que prestam serviço público.

O Sindicato dos Jornalistas, SJ, emitiu um comunicado onde considera inaceitável a privatização de serviços de programas de rádio e de televisão. Mostra ainda o desacordo com a alienação do capital do Estado na Agência Lusa.

O comunicado surge um dia depois do encontro do ministro dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, com o conselho de administração da RTP1 e na seguência das declarações do ministro, que anunciou a criação de um grupo de trabalho para analisar um modelo de serviço público de comunicação social.

O SJ apela aos trabalhadores das empresas em causa a mobilizarem-se em defesa do serviço público de comunicação social, ao mesmo tempo que pede aos grupos parlamentares para se insurgirem contra a privatização da Lusa.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG