CNN criticada pelo destaque dado a Miley Cyrus

'Site' da estação de notícias manteve notícia sobre atuação da cantora nos VMA como a notícia mais importante do dia durante horas

Muito se tem escrito e dito sobre a polémica atuação de Miley Cyrus nos Video Music Awards deste domingo à noite, considerada por muitos como "demasiado sexual" e "ofensiva". Mas a CNN tem sido uma das mais criticadas, depois de ter destacado o artigo sobre Miley como a notícial principal do dia durante algumas horas de segunda, no seu site.

O famoso jornal satírico norte-americano The Onion não perdeu a oportunidade de brincar com o caso. Para gozar com a CNN, o jornal publicou uma nota explicativa de Kelly Wallace, a editora da secção de entretenimento do CNN.com. Tudo OK, não fosse todo o comunicado inventado. "Foi uma oportunidade para aumentarmos o tráfico do nosso site e conseguirmos aumentar as receitas em publicidade", lia-se no texto humorístico do The Onion. A verdadeira jornalista, de resto, frisou no Twitter que aquelas palavras não eram suas mas não ficou chateada.

Numa altura em que, por cá, também se comenta os glúteos de Rita Pereira nas suas atuações de Dança Com as Estrelas, nos EUA, a cantora descoberta pela Disney, que tem dado destaque ao twerking [movimentos sensuais de ancas e rabo com uma atitude provocatória] publicou agora imagens nos bastidores no seu novo teledisco, a mostrar o traseiro (veja o vídeo em cima).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG