Granadeiro: PM nunca solicitou à PT que comprasse TVI

O presidente da PT garantiu hoje aos deputados da comissão parlamentar de Ética que "nunca o primeiro-ministro ou alguém" do Governo lhe solicitou ou sugeriu a compra de uma participação na Media Capital.

"Tenho a certeza absoluta que nunca o primeiro ministro ou alguém por ele me solicitou ou sugeriu a compra" de parte da Media Capital, disse Henrique Granadeiro, acrescentando, no entanto, que sofreu pressões "de todos os lados" para que a Portugal Telecom não comprasse o grupo.

Henrique Granadeiro frisou ainda ter "a certeza absoluta" que a primeira e única vez que falou com o primeiro ministro sobre o negócio foi na noite de 25 de Junho, um dia depois de José Sócrates ter garantido ao Parlamento que não sabia do negócio PT/TVI.

"Afirmo formalmente e sob compromisso de honra que tenho certeza absoluta que a primeira e única vez que falei com o primeiro ministro sobre o negócio foi no dia 25 de Junho à noite durante um jantar", disse.

"Nessa tarde presidi ao conselho de administração da PT, que não discutiu" o negócio, garantiu, lembrando que a compra da Media Capital teria de passar sempre pela comissão executiva ou pelo conselho de administração da PT.

"A decisão de não avançar [com o negócio] foi tomada conjuntamente por mim e pelo presidente da comissão executiva [da empresa, Zeinal Bava] na manhã de 25", afirmou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG