Serviços

Termos & Condições

1. UTILIZAÇÃO DOS SITES GLOBAL MEDIA GROUP

Objectivos/Serviços: Os sites Global Media Group têm como principal objectivo oferecer aos seus Utilizadores diversos conteúdos da Global Notícias - Media Group S. A., actualização de notícias e busca de artigos.

2. CONTEÚDO DO SITE / PROPRIEDADE INTELECTUAL

Entende-se por "conteúdo do site", toda a informação presente neste portal, nomeadamente texto, imagens, ilustrações, design gráfico, webdesign e software.

Todo o conteúdo deste site é protegido por Direitos de Autor e Direitos Conexos, e Direitos da Propriedade Industrial, ao abrigo das leis Portuguesas e da União Europeia, convenções internacionais e outras leis, não podendo ser utilizado fora das condições admitidas neste site e sem consentimento da Global Notícias - Media Group S. A..

Os direitos de propriedade intelectual de todos os conteúdos da Global Notícias - Media Group S. A. que não sejam de fornecimento externo e como tal devidamente identificado, são pertença da Global Notícias - Media Group S. A., incluindo as informações, as ferramentas, o desenho gráfico das páginas na Internet, com todos os seus componentes, e todas as figuras: gráficos ou textos. O conteúdo presente neste site não poderá ser copiado, alterado ou distribuído salvo com autorização expressa da Global Notícias - Media Group S. A..

Todos os textos, imagens, ilustrações, fotografias, publicidade, marcas e outros elementos do conteúdo do site estão protegidos por lei e devidamente licenciados, sendo expressamente interdita qualquer cópia, reprodução, difusão ou transmissão, utilização, modificação, venda, publicação, distribuição ou qualquer outro uso, total ou parcial, comercial ou não comercial, quaisquer que sejam os meios utilizados, salvo com autorização expressa dos mesmos. Está terminantemente proibida a utilização do site para fins ilegais ou quaisquer outros que possam ser considerados prejudiciais para a imagem que a Global Notícias - Media Group S. A. tem no mercado. A Global Notícias - Media Group S. A. rejeita qualquer responsabilidade pela usurpação e uso indevido dos elementos acima citados. Exceptuam-se a esta interdição os usos livres autorizados por lei, nomeadamente o direito de citação, desde que claramente identificada a sua origem. A usurpação, contrafacção, aproveitamento do conteúdo usurpado ou contrafeito, a identificação ilegítima e a concorrência desleal são puníveis criminalmente. A Global Notícias - Media Group S. A. reserva-se o direito de proceder judicialmente contra os autores de qualquer cópia, reprodução ou outra utilização não autorizada do (s) seu (s) conteúdo (s) por terceiros.

3. EXCLUSÃO DE RESPONSABILIDADE

A Global Notícias - Media Group S. A. não controla ou gere as informações, produtos ou serviços dos conteúdos fornecidos por terceiros nos sites da Global Media Group, bem como das hiperligações a outros sites na Internet, logo não pode ser responsabilizada por erros de qualquer natureza, ou dados incorrectos, destes sites e/ou conteúdos, incluindo as suas políticas e práticas de privacidade. A inclusão de conteúdos fornecidos por terceiros e hiperligações nos sites da Global Media Group não implica aceitação ao conteúdo nelas existentes ou uma associação com os seus proprietários.

A Global Notícias - Media Group S. A. rejeita qualquer responsabilidade por quaisquer danos directos, indirectos e/ou acidentais, consequentes do uso ou da inabilidade de uso dos materiais contidos neste site, bem como não controla nem é responsável por qualquer conduta ilegal, ofensiva ou difamatória dos seus Utilizadores.

As publicações electrónicas contidas neste site estão submetidas à lei portuguesa, na medida em que a mesma lhes seja aplicável, nomeadamente para efeitos de responsabilidade pelos factos, opiniões, artigos e comentários de pessoas ou organismos devidamente identificados, bem como relativamente à protecção de fontes e outros deveres, direitos e liberdades aplicáveis à imprensa escrita.

4. DEVERES DO UTILIZADOR / UTILIZAÇÕES PROIBIDAS

O Utilizador poderá descarregar ou copiar material estritamente para uso pessoal, mantendo-se a Global Notícias - Media Group S. A. titular dos respectivos direitos de autor.

O Utilizador obriga-se a não atacar ou usar ilicitamente os sistemas ou os sites da Global Media Group sendo responsabilizado e suportando todos os custos associados a acções ilícitas que lhe sejam atribuídas. Entre outras, consideram-se como acções ilícitas:

5. SUSPENSÃO OU INTERRUPÇÃO DE ACESSO

A Global Notícias - Media Group S. A. reserva-se o direito de interromper ou suspender o acesso aos sites Global Media Group, pelo período que entenda necessário, por quaisquer razões de ordem técnica, administrativa, de força maior ou outras. Sem prejuízo do disposto no número anterior, a Global Notícias - Media Group S. A. não poderá ainda ser responsabilizada por qualquer suspensão ou interrupção de acesso que venha porventura a ocorrer por causa que não lhe seja imputável ou que seja imputável a título de mera negligência.

6. SEGURANÇA E CARTÕES DE CRÉDITO

Os Utilizadores dos sites Global Media Group declaram e garantem que conhecem perfeitamente as características e os constrangimentos, limitações e defeitos da Internet, e nomeadamente que as transmissões de dados e de informações via Internet beneficiam apenas duma fiabilidade técnica relativa, circulando em redes heterogéneas de características e capacidades técnicas diversas, que perturbam o acesso ou que o tornam impossível em certos períodos. Os Utilizadores reconhecem que qualquer site/portal está sujeito a intromissões de terceiros não autorizados e que pode consequentemente ficar interrompido, e que as informações que circulam na Internet não estão protegidas contra eventuais desvios (acesso livre), contra eventuais vírus, e que qualquer pessoa é susceptível de criar uma ligação com acesso ao site/portal e/ou a elementos lá contidos, aceitando correr os riscos inerentes. A Global Notícias - Media Group S. A. não poderá em nenhum caso ser responsabilizada por danos acidentais ou voluntários sofridos pelos Utilizadores e provocados ou não por terceiros no âmbito da utilização dos serviços fornecidos nos sites ou em outros lugares na Internet a que tenham tido acesso através dele. A Global Notícias - Media Group S. A. não é responsável por quaisquer danos que possam ser causados pela utilização do serviço, incluindo a contaminação de vírus.

É seguro inserir dados do seu cartão de crédito em compras efectuada nos sites da Global Media Group, uma vez que os mesmos são guardados em sistemas seguros, desligados da Internet e sem acesso do exterior. Os sites da Global Media Group utilizam técnicas de encriptação de dados e utilizam o protocolo SET (Secure Electronic Transaction), que encripta os números dos cartões de crédito que ficam no servidor, de forma que só os bancos e as empresas gestoras de cartões de crédito possam a eles ter acesso.

7. ALERTA

Sem prejuízo do compromisso de confidencialidade (que se deve ter como uma obrigação de meios) referente à utilização de dados pessoais, a Global Notícias - Media Group S. A. alerta que existem riscos relacionados com o uso da Internet, sendo possível que os dados pessoais constantes do portal possam ser captados e/ou transferidos por terceiros, sem qualquer responsabilidade da Global Media Group.

8. COOKIES

Os sites Global Media Group podem utilizar cookies (grupo de dados trocados entre o navegador e o servidor, colocado num arquivo de texto criado no computador do Utilizador). De forma alguma, os cookies serão usados para invadir a privacidade do Utilizador, apenas servem-se para identificar o Utilizador e traçar o seu perfil no sentido de, por exemplo, enviar acções de marketing e/ou promocionais e estudos de mercado.

Os cookies são armazenados no disco rígido do computador do Utilizador para guardar suas preferências como, por exemplo, o login/password, caso o Utilizador escolha a opção de entrar automaticamente na próxima visita. Caso queira, o Utilizador, pode desabilitar os cookies no seu navegador web, mas perderá algumas das funcionalidades. O Utilizador tem a possibilidade de configurar seu navegador para ser avisado, na tela do computador, sobre a recepção dos cookies e para impedir a sua instalação no disco rígido. As informações pertinentes a esta configuração estão disponíveis em instruções e manuais do próprio navegador.

9. INTERPRETAÇÃO E FORO

As condições de uso deverão ser interpretadas de acordo com a lei portuguesa. Os tribunais de Portugal terão a exclusividade jurídica em relação a quaisquer queixas, disputas ou outros problemas que possam advir.

10. FÓRUNS, BLOGUES E ENVIO DE COMENTÁRIOS

Os fóruns dos sites Global Media Group são um espaço de diálogo com o intuito de promover um debate saudável de ideias sobre vários assuntos. O Serviço de Blogues nos sites Global Media Group consiste na disponibilização de espaço para o alojamento, gratuito, de Blogues não comerciais em língua portuguesa. Entende-se por Blogue o site (sítio) com a apresentação cronológica e regularmente actualizada de ideias, opiniões, textos, imagens ou qualquer matéria que se enquadre no espírito dos Blogues. O Utilizador tem direito a um (1) Blogue por registo. Os Blogues nos sites Global Media Group só permitem texto. Fotos ou vídeos, terão de ser alojados em outros servidores e disponibilizados os seus links no texto, caso o Utilizador queira fazer uso dos recursos audiovisuais.

Os comentários são mais um recurso disponibilizado nos sites Global Media Group de forma a manter um canal de diálogo aberto com o Utilizador, para que este possa manifestar a sua opinião quanto aos temas da actualidade.

Para enviar comentários, bem como para participar nos Fóruns e nos Blogues dos sites Global Media Group o Utilizador deve ler e aceitar os termos e condições de registo.

O registo do Utilizador é obrigatório para o envio de comentários e para participar nos Fóruns e Blogues dos sites Global Media Group. Aos dados pessoais recolhidos aplica-se o referido no Ponto 8. Política de Privacidade.

Os Utilizadores das funcionalidades (Fóruns, Blogues e Comentários) dos sites Global Media Group só podem ser pessoas singulares e/ou associações ou pessoas colectivas de fim não lucrativo.

É terminantemente proibido ao Utilizador:

11. CONTEÚDOS E RESPONSABILIDADE DO UTILIZADOR

O Utilizador identificado como o autor de uma mensagem é o único responsável pelos conteúdos publicados nessa mensagem. Desta forma, o Utilizador identificado como o autor de um Blogue é o único responsável pelos conteúdos disponibilizados nesse espaço. Assim, qualquer informação, dados, textos, links, ou outros materiais expostos, pública ou privadamente, são da responsabilidade exclusiva do Utilizador.

Uma vez que a Internet é uma rede aberta, todo o conteúdo do Blogue poderá circular na rede sem condições de segurança, correndo, inclusive, o risco de ser acessível e utilizado por terceiros não autorizados para o efeito, não podendo a Global Notícias - Media Group S.A. ser responsabilizado por esse acesso e/ou utilização.

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que a Global Notícias - Media Group S.A. se propõe, não é possível um controle de forma exaustiva dos conteúdos disponibilizados pelos Utilizadores e, por isso não é possível à Global Notícias - Media Group S.A. garantir a correcção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade daqueles.

A Global Notícias - Media Group S.A. não é responsável pela conduta difamatória, ofensiva ou ilegal das mensagens nos Fóruns, Blogues e Comentários.

Entendemos que todas as mensagens colocadas nos Fóruns, Blogues e/ou Comentários expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respectivos autores.

A Global Notícias - Media Group S.A. reserva-se o direito de apenas publicar mensagens que visem a promoção do debate e discussão dos temas em concreto, não sendo, por isso, permitidas discussões de carácter pessoal ou insultuoso.

A Global Notícias - Media Group S.A. reserva-se ainda o direito de retirar do Fórum, do Blogue, ou do campo Comentários, qualquer mensagem que contrarie as regras que defende para o bom funcionamento do site, nomeadamente as de carácter obsceno, maldoso, assediante, difamatório, prejudicial, ameaçador, calunioso, ofensivo, ilegal, racista, sexualmente tendencioso, publicitário e invasivo da privacidade de terceiros.

Os administradores e moderadores dos Fóruns, Blogues e dos Comentários têm o direito de remover ou editar qualquer mensagem em qualquer altura que assim julguem necessário.

Os endereços IP de todas as mensagens são registados para ajudar a implementar essas condições.

A definição das regras de participação em fóruns, blogues e comentários dos sites Global Media Group são unilateralmente fixadas por esta, numa óptica de protecção dos seus Utilizadores e podem ser, a qualquer momento, revistas.

12. POLÍTICA DE PRIVACIDADE

I. Enquadramento geral

No desenvolvimento da sua atividade a Global Notícias - Media Group S.A., necessita de proceder ao tratamento de Dados Pessoais de vários titulares de dados, nomeadamente de colaboradores, clientes, fornecedores ou prestadores de serviços, intervenientes em procedimentos de contratação pública, bem como de utilizadores dos websites da Global Notícias - Media Group S.A.

Os Dados Pessoais recolhidos pela Global Notícias - Media Group S.A. serão tratados de acordo com as normas regulamentares e legais em vigor.

A presente Política descreve um conjunto de orientações, regras e princípios que deverão ser observados pela Global Notícias - Media Group S.A. para assegurar a proteção dos direitos dos titulares dos dados.

A Global Notícias - Media Group S.A. obriga-se ao cumprimento da sua Política de Privacidade, em conformidade com as obrigações do Regulamento 2016/679/UE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 27 de abril de 2016, relativo à proteção das pessoas singulares no que diz respeito ao tratamento de dados pessoais e à livre circulação desses dados, adiante designado como Regulamento Geral de Proteção de Dados ou RGPD.

Neste sentido, a Global Notícias - Media Group S.A. procura garantir que os seus procedimentos internos estão em conformidade com as obrigações legais do RGPD e que os Dados Pessoais dos seus colaboradores, clientes, fornecedores ou prestadores de serviços, e de quaisquer outros titulares cujos Dados Pessoais a Global Notícias - Media Group S.A. trate no âmbito da sua atividade, sejam tratados de acordo com as normas regulamentares e legais em vigor e conservados em segurança.

A presente Política aplica-se a todos os colaboradores da Global Notícias - Media Group S.A., independentemente da natureza do respetivo vínculo. Neste sentido, quer os trabalhadores da Global Notícias - Media Group S.A., quer outros prestadores de serviços, independentemente da natureza do vínculo, mas que sejam envolvidos em operações de Tratamento de Dados Pessoais pelas quais a Global Notícias - Media Group S.A. seja responsável ficam vinculados ao cumprimento das regras e procedimentos aqui previstos, os quais lhes são comunicados.

II. Aplicação

A presente Política aplica-se às operações de Tratamento de Dados Pessoais realizadas pela Global Notícias - Media Group S.A. e pelas quais esta seja responsável, enquanto Responsável pelo Tratamento e/ou entidade Subcontratante.

As regras e procedimentos referidos nesta Política podem ser objeto de concretização noutras políticas, processos ou normativos internos.

A presente Política é definida e aprovada pelo Conselho de Administração da Global Notícias - Media Group S.A., após parecer do Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO)

Sempre que necessário, a Global Notícias - Media Group S.A. procederá à alteração da presente Política. A Política de Privacidade será actualizada, pelo menos, sempre que se releve necessário em atenção a alterações legislativas ou regulamentares ou às melhores práticas aplicáveis neste âmbito que a Global Notícias - Media Group S.A. deva observar. Quaisquer alterações serão aprovadas pelo Conselho de Administração da Global Notícias - Media Group S.A., em coordenação com o Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO).

III. Quem realiza operações de tratamento sobre os seus dados

No curso de suas atividades diárias, a Global Notícias - Media Group S.A. pode obter, tratar e armazenar Dados Pessoais.

De acordo com a legislação europeia e portuguesa em matéria de protecção de Dados Pessoais, os mesmos devem ser obtidos e tratados de forma justa, lícita e transparente.

Global Notícias - Media Group S.A. está empenhada em garantir que a sua equipa tem conhecimento adequado da legislação e das práticas de protecção de Dados Pessoais, a fim de poder antecipar e identificar quaisquer questões de protecção de Dados Pessoais que possam surgir. Nessas circunstâncias, a equipa deve assegurar que o Responsável pelo Tratamento é informado, garantindo que as acções correctivas apropriadas são tomadas, de forma garantir os direitos, liberdades e garantias dos titulares de Dados Pessoais.

Global Notícias - Media Group S.A. pode partilhar Dados Pessoais dos titulares dos dados com Subcontratantes, desde que necessários para a normal prestação dos seus serviços, de acordo com as disposições legais e contratuais em vigor.

O acesso dos Subcontratantes aos Dados Pessoais no âmbito de operações nas quais a Global Notícias - Media Group S.A. é Responsável pelo Tratamento é regulado pelo contrato celebrado com os seus Subcontratantes.

Neste sentido, a Global Notícias - Media Group S.A. assegura contratualmente e verifica regularmente que os Subcontratantes são entidades fiáveis e oferecem as garantias de protecção adequadas, designadamente não lhes sendo transmitidos dados para além dos necessários à prestação do serviço contratado.

Igualmente no âmbito de operações nas quais a Global Notícias - Media Group S.A. é Responsável pelo Tratamento, a Global Notícias - Media Group S.A. pode ainda partilhar os Dados Pessoais com outros Responsáveis pelo Tratamento, de forma a realizar as operações de Tratamento necessárias para a prestação dos serviços contratados e nos termos das disposições legais em vigor. No âmbito da referida responsabilidade conjunta, o acordo em vigor entre as partes identifica de modo transparente, designadamente, as respectivas finalidades e responsabilidades no cumprimento da legislação de protecção de Dados Pessoais em vigor, garantindo e salvaguardando os direitos e liberdades dos titulares dos dados através do estabelecimento de canais de comunicação atinentes à resposta aos pedidos dos referidos titulares.

Independentemente da relação existente entre os Destinatários de Dados Pessoais, a Global Notícias - Media Group S.A. define, através de contrato formal e escrito, a delimitação das obrigações em matéria de Dados Pessoais, a finalidade específica ou os propósitos pelos quais estão envolvidos e a garantia de que os mesmos procedem às operações de Tratamento dos Dados Pessoais em conformidade com o disposto na legislação portuguesa e europeia de Protecção de Dados Pessoais.

IV. Com quem a GLOBAL NOTÍCIAS - MEDIA GROUP S.A. pode partilhar os dados:
- Prestadores de serviços de suporte informático, técnico e operacional;
- Clientes e/ou Fornecedores;
- Entidades que com a Global Notícias - Media Group S.A. se encontrem em relação de coligação societária, de participações recíprocas, de domínio ou de grupo;
- Órgãos Judiciais, órgãos de Polícia, Autoridades Administrativas, designadamente entidades públicas nacionais ou internacionais com função de supervisão e regulação.

V. O que a GLOBAL NOTÍCIAS - MEDIA GROUP S.A. faz com os dados

Na sua atividade, a Global Notícias - Media Group S.A. trata os Dados Pessoais de diversas categorias de titulares de dados.

Contudo, e dado o especial enquadramento da atividade jornalística da Global Notícias - Media Group S.A., é preciso distinguir o tratamento de Dados Pessoais para fins jornalísticos e o tratamento de Dados Pessoais para fins operacionais e de produção de entretenimento.

A proteção de Dados Pessoais, nos termos do RGPD, não prejudica o exercício da liberdade de expressão, informação e imprensa, incluindo o tratamento de dados para fins jornalísticos e para fins de expressão académica, artística ou literária.

No âmbito da sua atividade jornalística a Global Notícias - Media Group S.A. deve respeitar a privacidade dos cidadãos exceto quando estiver em causa o interesse público. Global Notícias - Media Group S.A. obriga-se, antes de recolher declarações e imagens, a atender às condições de serenidade, liberdade, dignidade e responsabilidade das pessoas envolvidas.

Enquanto Responsável pelo Tratamento, a Global Notícias - Media Group S.A. garante que todos os Dados Pessoais:
- São obtidos para fins específicos, lícitos e claramente definidos - o titular dos dados tem o direito de questionar o (s) objectivo (s) para o (s) qual (quais) a Global Notícias - Media Group S.A. mantém os seus Dados Pessoais, e a Global Notícias - Media Group S.A. poderá informar de forma clara quais os propósitos ou as finalidades do Tratamento;
- São compatíveis com os propósitos para os quais foram obtidos;
- São conservados com medidas de segurança apropriadas, implementadas ou a implementar, para proteger contra o acesso não autorizado, ou alteração, destruição ou divulgação de quaisquer Dados Pessoais detidos pela Global Notícias - Media Group S.A. enquanto Responsável pelo Tratamento;
- São mantidos de forma precisa, completa e actualizada, quando necessário;
- Não são recolhidos se forem excessivos;
- São mantidos apenas pelo tempo necessário.

Nestes termos os Dados Pessoais recolhidos serão tratados de acordo com as seguintes finalidades:

a) Dados de Clientes
Global Notícias - Media Group S.A. realiza operações de tratamento relativamente aos Dados Pessoais dos seus Clientes para garantir o cumprimento de contratos acordados com os titulares dos dados ou com os Responsáveis por Tratamentos Conjuntos (relativamente aos dados e titulares de dados por estes recolhidos, como contrapartes, trabalhadores e outros). Os Dados Pessoais ora identificados e sujeitos a operações de Tratamento, encontram-se ao abrigo de uma situação de necessidade para a execução de um contrato ou para diligências pré-contratuais, ou para o cumprimento de obrigações jurídicas, sem prejuízo da eventual aplicação de outras situações legalmente previstas.
Os dados de categoria especial relativos a Clientes ou obtidos através de Clientes serão sujeitos a operações de tratamento, na medida em que sejam necessários à declaração, ao exercício ou à defesa de um direito num processo judicial, ou se o tratamento for necessário por motivos de interesse público importante, designadamente em sede de prevenção de branqueamento de capitais e de financiamento do terrorismo, sem prejuízo da eventual aplicação de outras situações legalmente previstas.
O tratamento de Dados Pessoais de Clientes ou obtidos através de Clientes, relacionados com condenações penais e infracções ou com medidas de segurança conexas serão sempre objecto de garantias adequadas a salvaguardar os direitos e liberdades dos titulares dos dados, sendo as operações relevantes neste âmbito limitadas ao estrito cumprimento das obrigações jurídicas aplicáveis.

b) Dados de colaboradores, candidatos a um posto de trabalho, prestadores de serviços e outros titulares

No desenvolvimento da sua atividade, a Global Notícias - Media Group S.A. trata Dados Pessoais de colaboradores ou candidatos em processos de recrutamento tendo em vista as finalidades abaixo.

Os colaboradores da Global Notícias - Media Group S.A. que, independentemente do vínculo contratual, lhe prestem serviços que impactem com Dados Pessoais dos demais titulares de dados pessoais estão também abrangidos pela presente Política.

A utilização dos Dados Pessoais facultados por estes titulares é feita sempre no contexto do vínculo contratual e para execução do contrato, salvo consentimento do titular relativamente a finalidades explícitas ou em casos em que haja lugar à aplicação de outro fundamento previsto em norma legal ou regulamentar.

Nalguns casos, por obrigação legal, a Global Notícias - Media Group S.A. deverá reter os dados destes titulares após o termo do vínculo contratual, caso em que o titular será, aquando da recolha, informado quanto aos períodos de conservação aplicáveis ou aos critérios segundo os quais os mesmos poderão ser identificados.

Na assinatura do contrato, os trabalhadores ou prestadores de serviços deverão assinar um acordo de confidencialidade, comprometendo-se a não divulgar qualquer informação a que tenham acesso durante o vínculo contratual com a Global Notícias - Media Group S.A., em especial Dados Pessoais de outros titulares, e a obedecer à presente Política, de acordo com os termos aplicáveis em cada momento em resultado de qualquer alteração que seja efetuada à mesma.

VI. Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO)

Em conformidade com as normas legais e regulamentares aplicáveis, a Global Notícias - Media Group S.A. nomeou um Encarregado de Protecção de Dados (EPD) ou Data Protection Officer (DPO), com os contatos abaixo indicados.

VII. Direitos dos titulares dos dados

De acordo com os requisitos legais e regulamentares em matéria de proteção de Dados Pessoais, a Global Notícias - Media Group S.A. garante que os titulares dos dados podem exercer os seus direitos.

Para exercer os seus direitos em matéria de proteção de Dados Pessoais, os titulares de dados devem contactar a Global Notícias - Media Group S.A. através dos contactos indicados na presente Política.

A Global Notícias - Media Group S.A. poderá, sempre que considere adequado, proceder à prévia verificação da identidade do requerente.

Os pedidos de exercício de direitos serão respondidos sem demora injustificada, no prazo máximo de um mês a contar da data de receção do pedido.

Perante uma elevada complexidade do pedido ou número de pedidos realizados, o período de resposta poderá ser prorrogado até dois meses.

Caso o período de resposta seja prorrogado, a Global Notícias - Media Group S.A. informará o titular dos dados, num prazo máximo de um mês após a data de receção do pedido, dos motivos do atraso na resposta ao pedido.

A Global Notícias - Media Group S.A. procura responder a todos os pedidos, sendo os mesmos alvo de análise de forma a verificar se a sua satisfação se encontra em conformidade com os requisitos legais e regulamentares aplicáveis.

O titular dos dados poderá invocar o seu direito por um dos canais apresentados nos contactos abaixo elencados.

VIII. Confidencialidade, conservação e medidas de segurança

Os Dados Pessoais são conservados pela Global Notícias - Media Group S.A. no estrito cumprimento das normas regulamentares e legais aplicáveis, ou pelo período indispensável para a satisfação das finalidades que motivaram o seu Tratamento.

A Global Notícias - Media Group S.A. procura cumprir com todas as obrigações legais, também no que diz respeito à conservação e atualização dos Dados Pessoais. O armazenamento e destruição dos Dados Pessoais são levados a cabo de maneira segura. Os Dados Pessoais recolhidos são os estritamente necessários e protegidos de perda, má utilização, acesso não autorizado ou exposição.

A Global Notícias - Media Group S.A. garante a segurança dos Dados Pessoais e o cumprimento de todas as obrigações legais em caso de quebra de segurança.

Para garantir a segurança dos Dados Pessoais, a Global Notícias - Media Group S.A. tem implementado um conjunto de medidas e procedimentos técnicos e tecnológicos adequados a tal propósito.

A Global Notícias - Media Group S.A. utilizará uma gama de controlos de segurança de Dados Pessoais, definida de acordo com as necessidades inerentes à sua atividade e com as políticas de segurança, e monitorizará ativamente esses controlos para detetar falhas ou violações, incluindo a revisão das autorizações de acesso a Dados Pessoais, próprios ou de terceiros, por parte dos titulares dos dados e dos colaboradores da Global Notícias - Media Group S.A.

IX. Contactos

Para todas as questões relacionadas com a presente Política de Privacidade ou dos dados pessoais dos respetivos titulares, a Global Notícias - Media Group S.A. disponibiliza os seguintes meios de contacto:

a) Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO)
Email: dpo@globalmediagroup.pt
Morada: Rua Gonçalo Cristóvão, 195-219 | 4049-011 Porto

b) Contactos para invocação dos direitos dos titulares
Os pedidos de invocação de direitos poderão ser submetidos através de qualquer um dos seguintes meios de comunicação:
E-mail: dados@globalmediagroup.pt
Morada: Departamento de Proteção de Dados | Rua Gonçalo Cristóvão, 195-219 | 4049-011 Porto

Termos e politica de privacidade da Assinatura Digital Premium

Os presentes termos e condições regem a utilização das Assinaturas Digitais da Global Media Group através do site www.dn.pt e da app DN-Diário de Noticias.
A Assinatura Digital DN PREMIUM é um serviço prestado pela Notícias Direct que permite o acesso a todos os conteúdos do site www.dn.pt, incluindo todos os conteúdos DN PREMIUM.


REGISTO E ACESSO
A Assinatura Digital DN PREMIUM é colocada à disposição dos utilizadores assinantes e está acessível através das seguintes plataformas:
- Browser - compra e acesso no site www.quiosquegm.pt
- App - compra no site www.quiosquegm.pt e acesso através de descarregamento gratuito da App via App Store (versões iOS 7.x ou superior) e Play Store (versões Android 4.x ou superior).
O utilizador registado é responsável pela utilização e confidencialidade da sua password de acesso e deverá contactar o e-mail subscrever@dn.pt em caso de suspeita de utilização indevida do serviço através da sua password de acesso.
O utilizador é responsável pela obtenção e manutenção de uma ligação fiável à Internet, através de um fornecedor de serviço de Internet, não tendo a Notícias Direct qualquer responsabilidade pela eventual impossibilidade do utilizador aceder ao serviço de Assinatura Digital ou visualizar as publicações.

PAGAMENTOS
As modalidades de Assinatura Digital DN PREMIUM disponíveis e respetivos preços e promoções são as que constam no site subscrever@dn.pt e em outros canais de venda autorizados pela Global Media Group.
Os dados do cartão de crédito fornecidos pelo Utilizador para o pagamento são transmitidos automaticamente para a Easypay e Braintree, entidades responsáveis pela autenticação dos dados e seu armazenamento, e devidamente certificadas para o efeito, não tendo a Notícias Direct acesso aos mesmos.
As campanhas com preço de adesão especial são consideradas períodos experimentais. Como tal, o Utilizador apenas poderá usufruir destes uma única vez.
Após o termo do período experimental, e para continuar a aceder à Assinatura Digital DN PREMIUM, o Utilizador terá de proceder aos pagamentos previstos na campanha respetiva ou optar pela não renovação e adquirir outra Assinatura Digital DN PREMIUM, não podendo voltar a usufruir desta mesma campanha promocional.
Entende-se por período experimental qualquer campanha promocional que reduza o preço do(s) primeiro(s) mês(es) das assinaturas renováveis. Pontualmente poderão surgir outras modalidades de Assinatura associadas a campanhas.

RENOVAÇÃO E CANCELAMENTO
Com exceção daqueles pagos por multibanco, todos os outros planos de subscrição do serviço de Assinatura Digital são, por defeito, automaticamente renovados no final do período de subscrição.
No entanto, o utilizador pode solicitar que a sua assinatura não se renove automaticamente, após a compra, contactando o Apoio ao Cliente, através do email subscrever@dn.pt.
Quando cancela a assinatura, o Utilizador está a cancelar o ciclo de renovação automática. Pode cancelar a qualquer momento, mas o cancelamento efetivo entrará em vigor no final do seu período de débito atual. No caso de cancelamento de assinatura mensal não será aplicado o reembolso no ciclo de débito a decorrer e a assinatura termina no final do período subscrito.
No caso de cancelamento de assinatura com período igual ou superior a 12 meses, se o Utilizador cancelar nos primeiros seis meses, efetuaremos o reembolso do valor remanescente da assinatura (50%) e o acesso terminará imediatamente. Se cancelar após os seis meses, o cancelamento da renovação automática terá efeitos no final do período debitado não havendo lugar a qualquer reembolso.
Para solicitar o seu reembolso, o assinante deverá fazê-lo dentro dos prazos descritos acima e contactando o Apoio ao Cliente pelo email subscrever@dn.pt.
Para Assinaturas Digitais DN PREMIUM associadas a Campanhas, aplicam-se as disposições anteriores relativamente ao período da assinatura exceto se incluírem a oferta de um produto ou serviço. Nesse caso, as assinaturas podem ser canceladas mas não haverá lugar a qualquer reembolso do respetivo valor da assinatura, em nenhuma circunstância.

INTERRUPÇÃO/SUSPENSÃO DO SERVIÇO
A Notícias Direct reserva-se o direito de interromper ou suspender o serviço de assinatura digitais pelo período que entenda necessário, por razões de ordem técnica, administrativa ou outras, não podendo ser responsabilizada pela interrupção ou suspensão do serviço que possa vir a acontecer por motivos que não lhe sejam imputáveis.

PROPRIEDADE INTELECTUAL
Os direitos de propriedade intelectual das publicações disponibilizadas pertencem à Global Notícias - Media Group S.A., a não ser que o contrário seja devidamente indicado. Os direitos incluem a propriedade sobre os textos, imagens e desenho gráfico das publicações digitais.
Os conteúdos não poderão ser copiados, alterados ou distribuídos, salvo com autorização expressa da Global Notícias - Media Group S.A. e/ou do titular dos direitos de autor sobre conteúdos protegidos por lei.
A Assinatura Digital DN PREMIUM contém material sujeito a copyright, marcas registadas e outra informação com direitos de autor. Sem limitar o âmbito dos direitos de propriedade intelectual da Notícias Direct, o utilizador reconhece que esta detém direitos de propriedade intelectual sobre (i) os conteúdos incluídos nas publicações; (ii) a Assinatura Digital DN PREMIUM, em todo o seu conteúdo; (iii) a seleção, coordenação e ordenamento das publicações em causa; e (iv) as marcas registadas utilizadas em relação com o serviço.
As publicações disponíveis através deste serviço destinam-se unicamente a uso pessoal e não podem ser modificadas, redistribuídas, vendidas, exibidas publicamente, licenciadas, alugadas ou cedidas por qualquer outra forma a terceiros, nem comercialmente exploradas.

UTILIZAÇÃO INDEVIDA
O utilizador obriga-se a não utilizar indevidamente as Assinaturas Digitais DN PREMIUM, sendo responsabilizado e suportando todos os custos associados a ações ilícitas que lhe sejam atribuídas. São consideradas ações ilícitas, nomeadamente: o acesso ou tentativa de acesso a contas de terceiros; o ataque ou tentativa de ataque ao sistema; o envio de emails não solicitados referentes a promoções ou publicidade a produtos ou serviços.
A Assinatura Digital DN PREMIUM é fornecida unicamente para uso pessoal e intransmissível, sendo proibida a cópia ou distribuição não autorizada.

ALTERAÇÕES AO SERVIÇO E PREÇOS
A Notícias Direct pode, em qualquer momento, alterar ou descontinuar qualquer aspeto ou funcionalidade do serviço de Assinatura Digital, incluindo os conteúdos, os planos de assinatura, os preços, as horas de disponibilidade, o equipamento ou o software necessários para o acesso ao serviço ou utilização do mesmo.
A Notícias Direct pode igualmente impor limites em relação a certas funcionalidades e serviços ou restringir o acesso do utilizador a partes ou à totalidade do serviço sem prévio aviso nem responsabilidade civil.

PUBLICIDADE E PATROCÍNIO
A Notícias Direct disponibiliza aos anunciantes e patrocinadores um mero suporte publicitário, não exercendo qualquer tipo de controlo prévio sobre a publicidade que é veiculada através dos serviços da sua plataforma, rejeitando, por isso, qualquer responsabilidade por erro, imprecisão ou desconformidade legal que o material publicitário ou de patrocínio possa conter. A relação do Utilizador com terceiros através dos serviços da plataforma e quaisquer termos, condições e garantias relativamente a esses terceiros, nomeadamente patrocinadores ou publicitários, são da exclusiva responsabilidade do Utilizador e respetivos terceiros.

MONITORIZAÇÃO
A Notícias Direct reserva-se o direito de monitorizar o serviço de Assinatura Digital para verificar o cumprimento dos presentes Termos e Condições e reserva-se o direito de remover todos os conteúdos que estejam em violação da Lei e do direito.

REVISÃO
A Notícias Direct reserva-se o direito de, em qualquer momento, alterar ou modificar os presentes Termos e Condições.

CONTACTO
Para mais informações envie-nos um email para subscrever@dn.pt.

RESOLUÇÃO DE LITÍGIOS
Empresa aderente ao Centro de Arbitragem de Conflitos e Consumo de Lisboa (www.centroarbitragemlisboa.pt) e ao Centro de Informação de Consumo e Arbitragem do Porto (www.cicap.pt). Em caso de litígio o consumidor pode recorrer a uma destas Entidades de Resolução de Litígios. Mais informações em Portal do Consumidor www.consumidor.pt e na Plataforma Europeia RLL (ODR) http://ec.europa.eu/consumers/odr/.

POLÍTICA DE PRIVACIDADE / PROTECÇÃO DE DADOS PESSOAIS
1. Os presentes Termos e Condições, bem como a Assinatura Digital DN PREMIUM encontram-se sujeitos à Política de Privacidade Geral da Global Notícias Media Group, S.A., de que a Notícias Direct é participada numa relação de domínio. Tal política encontra-se disponível aqui (link).
2. Sem prejuízo das disposições gerais de tal política, e tendo especificamente em vista a Assinatura Digital DN PREMIUM, a Notícias Direct procederá à recolha e tratamento dos seguintes dados pessoais do Utilizador:
• Nome;
• Email;
• NIF;
• Morada;
3. Os dados pessoais acima referidos destinam-se a possibilitar a gestão da(s) assinatura(s) subscrita(s) pelo titular dos dados. Os dados pessoais serão mantidos durante a assinatura e até que cesse a obrigação legal de os conservar por força das normas contabilísticas e fiscais aplicáveis.
4. A Notícias Direct, S.A. é a entidade responsável pela recolha e tratamento dos dados pessoais e garante a segurança e confidencialidade do respetivo tratamento. Os dados pessoais serão tratados no escrupuloso respeito pela legislação aplicável.
5. São facultados ao titular dos dados os direitos de oposição, de acesso, de retificação, de portabilidade e de apagamento dos dados pessoais que lhe digam respeito, a exercer por meio de comunicação para o endereço eletrónico: dados@noticiasdirect.pt
6. A Global Notícias - Media Group, S.A. dispõe de um encarregado de proteção de dados que poderá ser contactado por meio do endereço de correio electrónico: dpo@globalmediagroup.pt
7. O titular dos dados dispõe igualmente do direito de apresentar reclamações junto da Comissão Nacional da Proteção de Dados.


I. Enquadramento geral
No desenvolvimento da sua atividade a Global Notícias - Media Group S.A., necessita de proceder ao tratamento de Dados Pessoais de vários titulares de dados, nomeadamente de colaboradores, clientes, fornecedores ou prestadores de serviços, intervenientes em procedimentos de contratação pública, bem como de utilizadores dos websites da Global Notícias - Media Group S.A.
Os Dados Pessoais recolhidos pela Global Notícias - Media Group S.A. serão tratados de acordo com as normas regulamentares e legais em vigor.
A presente Política descreve um conjunto de orientações, regras e princípios que deverão ser observados pela Global Notícias - Media Group S.A. para assegurar a proteção dos direitos dos titulares dos dados.
A Global Notícias - Media Group S.A. obriga-se ao cumprimento da sua Política de Privacidade, em conformidade com as obrigações do Regulamento 2016/679/UE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 27 de abril de 2016, relativo à proteção das pessoas singulares no que diz respeito ao tratamento de dados pessoais e à livre circulação desses dados, adiante designado como Regulamento Geral de Proteção de Dados ou RGPD.
Neste sentido, a Global Notícias - Media Group S.A. procura garantir que os seus procedimentos internos estão em conformidade com as obrigações legais do RGPD e que os Dados Pessoais dos seus colaboradores, clientes, fornecedores ou prestadores de serviços, e de quaisquer outros titulares cujos Dados Pessoais a Global Notícias - Media Group S.A. trate no âmbito da sua atividade, sejam tratados de acordo com as normas regulamentares e legais em vigor e conservados em segurança.
A presente Política aplica-se a todos os colaboradores da Global Notícias - Media Group S.A., independentemente da natureza do respetivo vínculo. Neste sentido, quer os trabalhadores da Global Notícias - Media Group S.A., quer outros prestadores de serviços, independentemente da natureza do vínculo, mas que sejam envolvidos em operações de Tratamento de Dados Pessoais pelas quais a Global Notícias - Media Group S.A. seja responsável ficam vinculados ao cumprimento das regras e procedimentos aqui previstos, os quais lhes são comunicados.


II. Aplicação
A presente Política aplica-se às operações de Tratamento de Dados Pessoais realizadas pela Global Notícias - Media Group S.A. e pelas quais esta seja responsável, enquanto Responsável pelo Tratamento e/ou entidade Subcontratante.
As regras e procedimentos referidos nesta Política podem ser objeto de concretização noutras políticas, processos ou normativos internos.
A presente Política é definida e aprovada pelo Conselho de Administração da Global Notícias - Media Group S.A., após parecer do Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO)
Sempre que necessário, a Global Notícias - Media Group S.A. procederá à alteração da presente Política. A Política de Privacidade será actualizada, pelo menos, sempre que se releve necessário em atenção a alterações legislativas ou regulamentares ou às melhores práticas aplicáveis neste âmbito que a Global Notícias - Media Group S.A. deva observar. Quaisquer alterações serão aprovadas pelo Conselho de Administração da Global Notícias - Media Group S.A., em coordenação com o Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO).


III. Quem realiza operações de tratamento sobre os seus dados
No curso de suas atividades diárias, a Global Notícias - Media Group S.A. pode obter, tratar e armazenar Dados Pessoais.
De acordo com a legislação europeia e portuguesa em matéria de protecção de Dados Pessoais, os mesmos devem ser obtidos e tratados de forma justa, lícita e transparente.
Global Notícias - Media Group S.A. está empenhada em garantir que a sua equipa tem conhecimento adequado da legislação e das práticas de protecção de Dados Pessoais, a fim de poder antecipar e identificar quaisquer questões de protecção de Dados Pessoais que possam surgir. Nessas circunstâncias, a equipa deve assegurar que o Responsável pelo Tratamento é informado, garantindo que as acções correctivas apropriadas são tomadas, de forma garantir os direitos, liberdades e garantias dos titulares de Dados Pessoais.
Global Notícias - Media Group S.A. pode partilhar Dados Pessoais dos titulares dos dados com Subcontratantes, desde que necessários para a normal prestação dos seus serviços, de acordo com as disposições legais e contratuais em vigor.
O acesso dos Subcontratantes aos Dados Pessoais no âmbito de operações nas quais a Global Notícias - Media Group S.A. é Responsável pelo Tratamento é regulado pelo contrato celebrado com os seus Subcontratantes.
Neste sentido, a Global Notícias - Media Group S.A. assegura contratualmente e verifica regularmente que os Subcontratantes são entidades fiáveis e oferecem as garantias de protecção adequadas, designadamente não lhes sendo transmitidos dados para além dos necessários à prestação do serviço contratado.
Igualmente no âmbito de operações nas quais a Global Notícias - Media Group S.A. é Responsável pelo Tratamento, a Global Notícias - Media Group S.A. pode ainda partilhar os Dados Pessoais com outros Responsáveis pelo Tratamento, de forma a realizar as operações de Tratamento necessárias para a prestação dos serviços contratados e nos termos das disposições legais em vigor. No âmbito da referida responsabilidade conjunta, o acordo em vigor entre as partes identifica de modo transparente, designadamente, as respectivas finalidades e responsabilidades no cumprimento da legislação de protecção de Dados Pessoais em vigor, garantindo e salvaguardando os direitos e liberdades dos titulares dos dados através do estabelecimento de canais de comunicação atinentes à resposta aos pedidos dos referidos titulares.
Independentemente da relação existente entre os Destinatários de Dados Pessoais, a Global Notícias - Media Group S.A. define, através de contrato formal e escrito, a delimitação das obrigações em matéria de Dados Pessoais, a finalidade específica ou os propósitos pelos quais estão envolvidos e a garantia de que os mesmos procedem às operações de Tratamento dos Dados Pessoais em conformidade com o disposto na legislação portuguesa e europeia de Protecção de Dados Pessoais.


IV. Com quem a GLOBAL NOTÍCIAS - MEDIA GROUP S.A. pode partilhar os dados:
• Prestadores de serviços de suporte informático, técnico e operacional;
• Clientes e/ou Fornecedores;
• Entidades que com a Global Notícias - Media Group S.A. se encontrem em relação de coligação societária, de participações recíprocas, de domínio ou de grupo;
• Órgãos Judiciais, órgãos de Polícia, Autoridades Administrativas, designadamente entidades públicas nacionais ou internacionais com função de supervisão e regulação.


V. O que a GLOBAL NOTÍCIAS - MEDIA GROUP S.A. faz com os dados
Na sua atividade, a Global Notícias - Media Group S.A. trata os Dados Pessoais de diversas categorias de titulares de dados.
Contudo, e dado o especial enquadramento da atividade jornalística da Global Notícias - Media Group S.A., é preciso distinguir o tratamento de Dados Pessoais para fins jornalísticos e o tratamento de Dados Pessoais para fins operacionais e de produção de entretenimento.
A proteção de Dados Pessoais, nos termos do RGPD, não prejudica o exercício da liberdade de expressão, informação e imprensa, incluindo o tratamento de dados para fins jornalísticos e para fins de expressão académica, artística ou literária.
No âmbito da sua atividade jornalística a Global Notícias - Media Group S.A. deve respeitar a privacidade dos cidadãos exceto quando estiver em causa o interesse público. Global Notícias - Media Group S.A. obriga-se, antes de recolher declarações e imagens, a atender às condições de serenidade, liberdade, dignidade e responsabilidade das pessoas envolvidas.
Enquanto Responsável pelo Tratamento, a Global Notícias - Media Group S.A. garante que todos os Dados Pessoais:
• São obtidos para fins específicos, lícitos e claramente definidos - o titular dos dados tem o direito de questionar o(s) objectivo(s) para o(s) qual(quais) a Global Notícias - Media Group S.A. mantém os seus Dados Pessoais, e a Global Notícias - Media Group S.A. poderá informar de forma clara quais os propósitos ou as finalidades do Tratamento;
• São compatíveis com os propósitos para os quais foram obtidos;
• São conservados com medidas de segurança apropriadas, implementadas ou a implementar, para proteger contra o acesso não autorizado, ou alteração, destruição ou divulgação de quaisquer Dados Pessoais detidos pela Global Notícias - Media Group S.A. enquanto Responsável pelo Tratamento;
• São mantidos de forma precisa, completa e actualizada, quando necessário;
• Não são recolhidos se forem excessivos;
• São mantidos apenas pelo tempo necessário.
Nestes termos os Dados Pessoais recolhidos serão tratados de acordo com as seguintes finalidades:
a) Dados de Clientes
Global Notícias - Media Group S.A. realiza operações de tratamento relativamente aos Dados Pessoais dos seus Clientes para garantir o cumprimento de contratos acordados com os titulares dos dados ou com os Responsáveis por Tratamentos Conjuntos (relativamente aos dados e titulares de dados por estes recolhidos, como contrapartes, trabalhadores e outros). Os Dados Pessoais ora identificados e sujeitos a operações de Tratamento, encontram-se ao abrigo de uma situação de necessidade para a execução de um contrato ou para diligências pré-contratuais, ou para o cumprimento de obrigações jurídicas, sem prejuízo da eventual aplicação de outras situações legalmente previstas.
Os dados de categoria especial relativos a Clientes ou obtidos através de Clientes serão sujeitos a operações de tratamento, na medida em que sejam necessários à declaração, ao exercício ou à defesa de um direito num processo judicial, ou se o tratamento for necessário por motivos de interesse público importante, designadamente em sede de prevenção de branqueamento de capitais e de financiamento do terrorismo, sem prejuízo da eventual aplicação de outras situações legalmente previstas.
O tratamento de Dados Pessoais de Clientes ou obtidos através de Clientes, relacionados com condenações penais e infracções ou com medidas de segurança conexas serão sempre objecto de garantias adequadas a salvaguardar os direitos e liberdades dos titulares dos dados, sendo as operações relevantes neste âmbito limitadas ao estrito cumprimento das obrigações jurídicas aplicáveis.
b) Dados de colaboradores, candidatos a um posto de trabalho, prestadores de serviços e outros titulares
No desenvolvimento da sua atividade, a Global Notícias - Media Group S.A. trata Dados Pessoais de colaboradores ou candidatos em processos de recrutamento tendo em vista as finalidades abaixo.
Os colaboradores da Global Notícias - Media Group S.A. que, independentemente do vínculo contratual, lhe prestem serviços que impactem com Dados Pessoais dos demais titulares de dados pessoais estão também abrangidos pela presente Política.
A utilização dos Dados Pessoais facultados por estes titulares é feita sempre no contexto do vínculo contratual e para execução do contrato, salvo consentimento do titular relativamente a finalidades explícitas ou em casos em que haja lugar à aplicação de outro fundamento previsto em norma legal ou regulamentar.
Nalguns casos, por obrigação legal, a Global Notícias - Media Group S.A. deverá reter os dados destes titulares após o termo do vínculo contratual, caso em que o titular será, aquando da recolha, informado quanto aos períodos de conservação aplicáveis ou aos critérios segundo os quais os mesmos poderão ser identificados.
Na assinatura do contrato, os trabalhadores ou prestadores de serviços deverão assinar um acordo de confidencialidade, comprometendo-se a não divulgar qualquer informação a que tenham acesso durante o vínculo contratual com a Global Notícias - Media Group S.A., em especial Dados Pessoais de outros titulares, e a obedecer à presente Política, de acordo com os termos aplicáveis em cada momento em resultado de qualquer alteração que seja efetuada à mesma.


VI. Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO)
Em conformidade com as normas legais e regulamentares aplicáveis, a Global Notícias - Media Group S.A. nomeou um Encarregado de Protecção de Dados (EPD) ou Data Protection Officer (DPO), com os contatos abaixo indicados.


VII. Direitos dos titulares dos dados
De acordo com os requisitos legais e regulamentares em matéria de proteção de Dados Pessoais, a Global Notícias - Media Group S.A. garante que os titulares dos dados podem exercer os seus direitos.
Para exercer os seus direitos em matéria de proteção de Dados Pessoais, os titulares de dados devem contactar a Global Notícias - Media Group S.A. através dos contactos indicados na presente Política.
A Global Notícias - Media Group S.A. poderá, sempre que considere adequado, proceder à prévia verificação da identidade do requerente.
Os pedidos de exercício de direitos serão respondidos sem demora injustificada, no prazo máximo de um mês a contar da data de receção do pedido.
Perante uma elevada complexidade do pedido ou número de pedidos realizados, o período de resposta poderá ser prorrogado até dois meses.
Caso o período de resposta seja prorrogado, a Global Notícias - Media Group S.A. informará o titular dos dados, num prazo máximo de um mês após a data de receção do pedido, dos motivos do atraso na resposta ao pedido.
A Global Notícias - Media Group S.A. procura responder a todos os pedidos, sendo os mesmos alvo de análise de forma a verificar se a sua satisfação se encontra em conformidade com os requisitos legais e regulamentares aplicáveis.
O titular dos dados poderá invocar o seu direito por um dos canais apresentados nos contactos abaixo elencados.


VIII. Confidencialidade, conservação e medidas de segurança
Os Dados Pessoais são conservados pela Global Notícias - Media Group S.A. no estrito cumprimento das normas regulamentares e legais aplicáveis, ou pelo período indispensável para a satisfação das finalidades que motivaram o seu Tratamento.
A Global Notícias - Media Group S.A. procura cumprir com todas as obrigações legais, também no que diz respeito à conservação e atualização dos Dados Pessoais. O armazenamento e destruição dos Dados Pessoais são levados a cabo de maneira segura. Os Dados Pessoais recolhidos são os estritamente necessários e protegidos de perda, má utilização, acesso não autorizado ou exposição.
A Global Notícias - Media Group S.A. garante a segurança dos Dados Pessoais e o cumprimento de todas as obrigações legais em caso de quebra de segurança.
Para garantir a segurança dos Dados Pessoais, a Global Notícias - Media Group S.A. tem implementado um conjunto de medidas e procedimentos técnicos e tecnológicos adequados a tal propósito.
A Global Notícias - Media Group S.A. utilizará uma gama de controlos de segurança de Dados Pessoais, definida de acordo com as necessidades inerentes à sua atividade e com as políticas de segurança, e monitorizará ativamente esses controlos para detetar falhas ou violações, incluindo a revisão das autorizações de acesso a Dados Pessoais, próprios ou de terceiros, por parte dos titulares dos dados e dos colaboradores da Global Notícias - Media Group S.A.


IX. Contactos
Para todas as questões relacionadas com a presente Política de Privacidade ou dos dados pessoais dos respetivos titulares, a Global Notícias - Media Group S.A. disponibiliza os seguintes meios de contacto:
a) Encarregado de Proteção de Dados (EPD) / Data Protection Officer (DPO)
• Email: dpo@globalmediagroup.pt
• Morada: Rua Gonçalo Cristóvão, 195-219 | 4049-011 Porto
b) Contactos para invocação dos direitos dos titulares
Os pedidos de invocação de direitos poderão ser submetidos através de qualquer um dos seguintes meios de comunicação:
• E-mail: dados@globalmediagroup.pt
• Morada: Departamento de Proteção de Dados | Rua Gonçalo Cristóvão, 195-219 | 4049-011 Porto