violência de género

Ana Sousa Dias

Uma rotação e meia e lá vai o disco, Daisy

Esta manhã vou estar à frente da televisão às oito e meia, esperando Liliana, Daisy e Irina. Vou torcer para que passem à final do lançamento do disco dos Europeus de Atletismo. Liliana e Irina porque são portuguesas, corajosas, ótimas no que fazem. E Daisy porque quando foi agredida no bairro onde mora, perto de Turim, se aguentou firme apesar de ter ficado com a visão afetada.