transportes públicos

Carlos Humberto, primeiro-secretário AML

"Oferta de transportes poderá ser de 130%, consoante as necessidades"

Os transportes públicos da Área Metropolitana de Lisboa estarão a funcionar em pleno em setembro? E não constituirão um risco para a saúde pública, como se sugeriu em junho e julho? Que impacto teve a pandemia no passe Navegante e nas transformações que estão previstas para o setor nesta região? Carlos Humberto, primeiro-secretário da AML, responde a estas e outras perguntas e diz que " vamos ter aqui uma espécie de geometria variável".