Schumacher

Fórmula 1

Michael Schumacher quer ser campeão em 2011

O alemão Michael Schumacher, regressado este ano à competição após três anos na reforma, foi ontem o mais solicitado pela comunicação social presente no circuito de Hockenheim, onde no domingo se realiza o Grande Prémio da Alemanha. Aos 41 anos, Schumacher ocupa a nona posição do Mundial, com 36 pontos em dez corridas. Já sem hipótese de ser campeão este ano, o alemão quer ganhar o Mundial em 2011: "Quando regressei, o objectivo era ganhar outro título. É para isso que estou aqui, muito claramente. Sei qual é o objectivo, para onde quero ir, e tenho confiança que o vou conseguir." O piloto da Mercedes referiu que os homens da Red Bull (Sebastian Vettel e Mark Webber) e os da McLaren (Lewis Hamilton e Jenson Button) estão na corrida ao título de 2010. "Naturalmente, o nosso instinto patriótico ressurge. E o meu tem uma inclinação alemã. Estou desolado, Mark", disse Schumacher numa alusão a Vettel.

Desporto

Luta perfeita é no Mónaco entre 'Schumi' e Alonso

estudo O ecrã da televisão dividido em dois, para acompanhar Michael Schumacher e Fernando Alonso, num duelo emocionante no GP do Mónaco. Ao mesmo tempo, as imagens mostram dados em tempo real da corrida, enquanto se ouvem as rádios das duas equipas, discutindo a estratégia com os pilotos. Seria assim a corrida perfeita, e é com isto que sonham alguns dos aficionados da Fórmula 1 para o futuro da modalidade, segundo um estudo da FOTA (Associação de Equipas de Fórmula 1), pré-publicado pelo jornal espanhol Marca.