Pela América do tio Silva

Raymond Simas à entrada da agência do HomeStreet Bank em Point Loma, San Diego, na Califórnia do Sul

Pela América do tio Silva

O bancário de sucesso cuja família fugiu ao vulcão dos Capelinhos

Raymond Simas é responsável pela agência do HomeStreet Bank em Point Loma, San Diego, um banco regional vocacionado para servir a comunidade. Natural do Pico, nos Açores, foi para os Estados Unidos com 5 anos, mas teve sempre preocupação de manter a ligação a Portugal. Do folclore à Festa do Espírito Santo. De férias, visita o país de origem sempre que pode e costuma ter à mão o cartão do cidadão. Neste verão o DN republica algumas das reportagens integradas na rubrica sobre portugueses e luso-americanos de sucesso Pela América do Tio Silva. Este artigo foi publicado originalmente a 13 de abril de 2018

Pela América do Tio Silva

Dos palcos para Nova Iorque para mostrar a cultura portuguesa

Chegou à América em 2006 para um curso de seis meses, mas apaixonou-se por Nova Iorque. Do que Ana Ventura Miranda mais gosta é de ali nada ser impossível, por isso com a ajuda do primo e sem dinheiro criou o Arte Institute. Já organizou 300 eventos em 20 países. Neste verão o DN republica algumas das reportagens integradas na rubrica sobre portugueses e luso-americanos de sucesso Pela América do Tio Silva. Este artigo foi publicado originalmente a 28 de julho de 2017

Pela América do tio Silva

Dormiu na rua em Lisboa, está a mudar a educação nos EUA

A 28 de fevereiro, o superintendente das escolas do terceiro maior agrupamento americano era chamado a dirigir o sistema educativo de Nova Iorque, o maior do país. Recusaria o cargo para continuar o trabalho em Miami-Dade, a uma vida de distância do Bairro Alto, onde cresceu - mas sempre consciente do que é viver com muito pouco, até sem um teto. Neste verão o DN republica algumas das reportagens integradas na rubrica sobre portugueses e luso-americanos de sucesso Pela América do Tio Silva. Este artigo foi publicado originalmente a 30 de fevereiro de 2018)

Pela América do tio Silva

Ele descobriu como se vende bacalhau aos americanos

Nasceu em São Miguel, mas ainda mal falava quando os pais emigraram para Massachusetts. Agora, Michael Benevides gere em Fall River o Portugalia Marketplace, que vende à comunidade e a todos os que gostem da marca Portugal. Neste verão o DN republica algumas das reportagens integradas na rubrica sobre portugueses e luso-americanos de sucesso Pela América do Tio Silva. Este artigo foi publicado originalmente a 8 de dezembro de 2017

EUA

"Se não fosse congressista podia ganhar a vida a ordenhar vacas"

Os avós de Jim Costa chegaram à Califórnia no início do século XX, vindos dos Açores. Começaram na indústria do leite, iniciando o negócio da família. A leitaria foi vendida há 30 anos quando o pai morreu, mas a quinta ainda produz. Mais jovem eleito no Congresso da Califórnia com 25 anos, e hoje, aos 65, congressista em Washington, os pais sempre incentivaram Costa a interessar-se pela política americana. Mas Portugal está no seu coração.