Pavilhão de Portugal

O fator humano

O homem dos pinheiros mansos morreu aos 80 anos

Continua fechado e a degradar-se, o Pavilhão de Portugal. Na próxima segunda-feira, passam 19 anos sobre a cerimónia inaugural da Expo"98, à sombra da famosa "pala" desenhada por Álvaro Siza Vieira, com discursos e música. Nesse dia, passaram pela Expo cem mil pessoas e entre elas onze chefes de Estado. Até ao fim da exposição mundial, a 30 de setembro, foram onze milhões os visitantes.