Nuno Artur Silva

Nuno Artur Silva

Inimigos privados e públicos

Encontrámo-nos na rua, ficámos frente a frente. Ele olhou para mim e eu olhei para ele e reconheci-o, mas não sabia donde. A cara era familiar, mas assim de repente não consegui situá-lo. Como ele ficou parado a olhar para mim como se me conhecesse bem, cumprimentei-o simpaticamente: "Estás bom? Tudo bem contigo?" Estendi-lhe a mão, ele estendeu a mão. Despedi-me com um: "Prazer em ver-te. Até à próxima." E seguimos cada um para seu lado.

Nuno Artur Silva

Famílias

"Families and how to Survive Them" (Famílias e como Sobreviver-lhes) é o título do livro que John Cleese escreveu com o (seu) psiquiatra Robin Skinner e podia ser uma definição, um programa para a vida de cada pessoa. Philip Larkin já tinha escrito "They fuck you up, your mom and dad. /They may not mean to, but they do. / They fill you with the faults they had / And add some extra, just for you. / But they were fucked up in their turn / By fools in old-style hats and coats, / Who half the time were soppy-stern / And half at one another"s throats" (This Be the Verse).

Nuno Artur Silva

Mundo Disney em revista (ou em revistinhas)

Devem ter sido das minhas primeiras leituras, aquelas que li com entusiasmo, prazer e (porque não dizê-lo?) fervor literário: as histórias da Disney. Ou, como se dizia, os Mickeys (ou os Donaldes ou os Patinhas). Eram quatro revistinhas de histórias aos quadradinhos, três semanais e uma mensal, salvo erro: Pato Donald, Zé Carioca, Mickey e Tio Patinhas. Respectivamente: cinco escudos, cinco escudos, sete e quinhentos e doze e quinhentos.

Nuno Artur Silva

Notícias da frente da guerra

Passaram cem anos do fim da Primeira Guerra Mundial. Foi a data do Armistício assinado entre os Aliados e o Império Alemão e do cessar-fogo na Frente Ocidental. As hostilidades continuaram ainda em outras regiões. Duas décadas depois, começava a Segunda Guerra Mundial, "um conflito militar global (...) Marcado por um número significativo de ataques contra civis, incluindo o Holocausto e a única vez em que armas nucleares foram utilizadas em combate, foi o conflito mais letal da história da humanidade, resultando entre 50 e mais de 70 milhões de mortes" (Wikipédia).