mudança de hora

Dentro do Género

Ao segundo sinal

Uma das coisas melhores e das coisas piores de uma relação à distância é a diferença de hora. Mas a diferença de hora é uma coisa complexa e que pode acontecer mesmo quando se vive no mesmo fuso. E fusos, já se sabe e está nas histórias, são coisas que podem matar as princesas, ou pelo menos adormecê-las à espera do príncipe encantado que é uma morte ainda mais cruel, mas com que muitas se continuam a suicidar. Isto tudo porque a semana que passou mudou para quatro horas apenas a diferença de hora com a minha relação à distância, que é a América, América não, apenas a costa leste, que é onde está o meu coração. E esta passagem para as quatro horas corta-nos os ritmos. Mas quando isto for lido já passou, é domingo e já está de novo nas cinco horas, acho, mas é uma questão de ir à internet ver.