Maria João Rodrigues

Maria João Rodrigues

Refugiados e fronteira europeia

Um acordo com a Turquia para responder à crise de refugiados é uma solução frágil, controversa e difícil de pôr em prática. Se houver vontade política dos líderes europeus, é possível encontrar uma solução comum para a crise de refugiados. O que está em causa é a União Europeia dotar-se dos meios próprios que permitam reganhar controlo da situação e afirmar a soberania europeia, na forma de proteger o seu território e de acolher refugiados de forma digna. A UE tem os recursos financeiros, a tecnologia necessária e pessoas dispostas a fazer que isso aconteça. A questão é sempre a mesma - qual é a razão que impede a UE de avançar? Perante a crise humana, alguns países, como é o caso da Alemanha, adotaram uma postura recetiva à integração, mas há receios fundados de que a política de "portas abertas" não é sustentável a curto prazo.