Jean-Luc Godard

Hannah Arendt recordada no filme Vida Activa: como pensar no meio das imagens?

João Lopes

Verdade e política, ou o mundo feito ecrã

Hannah Arendt (1906-1975) publicou o seu livro sobre o julgamento do nazi Adolf Eichmann em 1963 (disponível no mercado português num volume das Edições Tenacitas, datado de 2013). Pouco tempo depois, considerando que era preciso reagir às muitas mentiras que envolveram a sua "polémica" (as aspas são da autora), Arendt escreveu um texto intitulado Verdade e política, que pode ser lido na antologia Between Past and Future (Viking Press, 1961), ou na tradução francesa, ampliada, La Crise de la Culture (Gallimard, 1972).