Jair Bolsonaro

Premium

Pedro Marques Lopes

Os eleitores querem mesmo fascistas

No Brasil, os níveis de pobreza extrema, de uma desigualdade sem paralelo, de iliteracia, de influência de organizações tão sinistras como a IURD, de fragilidade das instituições, de intervenção direta dos principais media no processo político, cria um cocktail sempre pronto a explodir. Podia dizer-se o mesmo do resto da América Latina. Médici, Castro, Somoza, Videla, Maduro, Pinochet e mais um nunca acabar de figuras do género são comuns nesse continente.