Hóquei em patins

Entrevista

Ângelo Girão: "Penáltis? Rezo para que não acertem em zonas desprotegidas"

Começou a praticar hóquei em patins a nível federado nos escalões de formação do Vigorosa. Demorou pouco tempo até chegar ao FC Porto, onde esteve durante dez temporadas, e pelo Gulpilhares, Académica de Espinho e Valongo (onde foi campeão) antes de se mudar para o Sporting em 2015-16. Muitos dizem que é o melhor guarda-redes do mundo. Com um assinalável espírito de sacrifício, Ângelo Girão foi um dos obreiros do título europeu da seleção em 2016 e do Sporting em 2019. Foi o herói da final do mundial ganho por Portugal ao defender quatro grandes penalidades.