Francisco Seixas da Costa

Paulo Vizeu Pinheiro, secretário-geral do Sistema de Segurança Interna

Paulo Vizeu Pinheiro

O novo homem forte da segurança inspira-se em Gouveia e Melo

Durão Barroso e Passos Coelho elogiam a escolha de António Costa. Enfrentou Jonas Savimbi e teve armas apontadas à sua cara em Angola, conheceu Bill Clinton, Vladimir Putin e é um apaixonado pela Rússia. O embaixador Paulo Vizeu Pinheiro tem a diplomacia no seu ADN. Corre nas suas veias sangue chinês, indiano, inglês e judeu e atribui a isso parte do seu gosto por entender os outros e fazer pontes. O novo secretário-geral do Sistema de Segurança Interna quer valorizar e responsabilizar os chefes das polícias e das secretas, usando a sua maior vocação - ser diplomata

Francisco Seixas da Costa

O futuro na Unesco

No seio das várias atitudes controversas que Donald Trump tem vindo a tomar na ordem internacional, o anúncio da saída dos EUA da Unesco deve ser visto como significativo, no entanto, como um episódio menor. A circunstância de Israel ter acompanhado a atitude americana revelou a racionalidade subjacente: foi uma resposta a decisões recentes que, no âmbito da organização, foram tomadas num sentido que as autoridades israelitas interpretam como hostis aos seus interesses.