Filipe Froes

Filipe Froes

Esclarecimento e agradecimento

Na última crónica de Joana Amaral Dias no Diário de Notícias de 29-08-2021 e intitulada "Médicos & Monstros" são feitos, entre outros, vários comentários que considero injuriosos, difamatórios e caluniosos no que toca à minha pretensa relação com a indústria farmacêutica, à minha pretensa ausência de imparcialidade ao comentar medidas e intervenções no âmbito da pandemia, nomeadamente o sucesso e a adesão à vacinação, bem como a uma capacidade que desconhecia ter para condicionar a resposta a nível nacional e europeu contra a pandemia. Estes comentários infundados e ofensivos resultam de um montante de 385 mil euros que é público e está registado em meu nome, desde 2013, na Plataforma da Transparência para os médicos, no site do Infarmed.

Opinião

Vacinação Plano B: Um por todos e todos por um

Na sequência de ensaios clínicos e de uma avaliação rigorosa e semelhante à das outras vacinas e medicamentos que usamos todos os dias, a Agência Europeia de Medicamentos começou por aprovar uma vacina contra a Covid-19, a ComiRNAty, da BioNTech/Pfizer, que demonstrou, segundo a DGS, uma eficácia de 95% e, subsequentemente, a 6 de Jameiro de 2020, a Comissão Europeia anunciou que também a vacina mRNA-1273, da Moderna havia sido aprovada.