Eutanásia

Opinião

A indeterminação e a eutanásia

Quando há mais de duas décadas comecei a estudar e, depois, a escrever fundadamente sobre a problemática atinente à eutanásia - então questão tida praticamente como tabú - o grande problema da substância das "cousas" era o do se. Entretanto os tempos mudaram e praticamente o que se quer discutir, hoje, é o problema do como. Em meu juízo verifica-se, efectivamente, um empobrecimento da discussão. Mas deixemos este definhamento argumentativo e olhemos de frente as nervuras jurídicas que o problema do como tem suscitado.