dieta

Nutrição

Ovos: comer um por dia reduz risco de diabetes, diz a ciência

É capaz de ser um dos alimentos mais diabolizados e menos consensuais dos regimes alimentares em geral. Contudo, é a ciência que o diz: um ovo por dia, nem sabe o bem que lhe fazia. Texto de Ana Pago | Fotografias da Shutterstock A vizinha trouxe ovos da terra, deu-nos duas dúzias para não se estragarem e deixou-nos a braços com um dilema espinhoso: comemo-los, apesar de tudo o que se diz acerca de provocarem colesterol e doenças cardiovasculares? Ou recambiamo-los para outra casa que não a nossa, não vá a tentação levar a melhor? A isto responde um novo [...]

Comportamento

Que mania universal (e perigosa) é esta da proteína?

Comemos proteína em excesso, ficamos doentes, porém a ideia que nos continuam a vender (e nós a comprar) é a de que muita proteína equivale a um corpo fit. Não é verdade: a questão tem muito mais que se lhe diga. E não: batidos e barrinhas não são melhores que uma alimentação variada. Texto de Ana Pago | Fotografias da Shutterstock Para os adeptos da boa forma física, são uma espécie de oitava maravilha do mundo mais valiosa que as Pirâmides de Gizé: batidos de proteína, barrinhas de proteína, suplementos de proteína em pó, bolachas e cereais enriquecidos com proteína. [...]

calorias

Um suplemento que nos tira a vontade de comer porcarias? Queremos isso já

Cientistas britânicos criaram uma substância que gera saciedade e contribui fortemente para desacelerar o aumento de peso. Texto de Ana Pago | Fotografias da Shutterstock Batidos com chantilly extra e bola de gelado. Pizza de quatro queijos. Nougats de caramelo e amendoim. São apenas algumas das gordices que nos cegam para a dieta quando o desejo de comê-las se sobrepõe a tudo. Mas, e se essas visões açucaradas não nos fizessem mossa? Nem chegássemos a ter os apetites, de todo? 10 gramas de IPE (um suplemento alimentar) reduzem os desejos de comida calórica e fazem com que se coma menos, [...]

Saúde

Afinal, há mesmo um chocolate que não engorda, segundo a ciência

É capaz de ser das melhores notícias dos últimos tempos: os efeitos do chocolate para a saúde são reais. Incluindo o de não dar cabo do processo de emagrecimento. Quem gosta de chocolate sabe como é: compra algumas tabletes para ter em casa - de certeza vão durar imenso tempo - e na primeira noite despacha logo três a ver séries. Parece que quanto mais comemos, mais se intensifica o desejo de repetir a experiência quase sensual do chocolate a derreter na boca, até ao último quadrado.