Carrie Lam

Mundo

Hong Kong recusa exigências de manifestantes apesar de vitória pró-democrata

O governo de Hong Kong descarta a hipótese de ceder às exigências dos manifestantes, ainda que os candidatos pró-democráticos tenham garantido uma vitória nas eleições distritais. A líder Carrie Lam diz apenas que vai "estabelecer um comité de revisão" para analisar as causas das manifestações e identificar "os problemas sociais, económicos e políticos subjacentes, para recomendar medidas ao Governo".