Bruxelas

Henrique Burnay

O que se discute em Bruxelas

Na União Europeia, a luta de poder tanto se faz entre partidos como entre instituições. Enquanto nos Estados membros (à exceção dos que têm questões territoriais pendentes) o equilíbrio de poderes entre rei e Parlamento, governo e primeiro-ministro, Assembleia e Presidente ficou resolvido há muito tempo, na Europa o Parlamento tem passado a sua existência a extorquir poder ao Conselho (aos governos, portanto) e a exigir a submissão da Comissão (como se fosse um executivo perante uma assembleia). É preciso perceber essa história para compreender a obstinação dos grupos políticos (não são exatamente partidos, são grupos parlamentares) com a ideia do Spitzenkandidat (o suposto cabeça-de-lista de cada partido europeu).