atropelamentos

LEIA HOJE NO DN

Tribunal culpa avó por morte da neta em atropelamento

O atropelamento mortal de uma menina de 4 anos em Vale de Cambra, na EN 224, em março de 2012, foi consequência, por um lado, da falta de vigilância da avó, que a deixou "saltitar" para a via "numa questão de segundos" e, por outro, da velocidade excessiva do condutor do automóvel envolvido no acidente, em desrespeito das advertências sinaléticas no local, incluindo lombas sonoras, "quando podia prever o perigo" evitando a colisão.