Ataque

Morto pelos EUA

General Soleimani era "estrela" no Irão e "figura maligna" para os EUA

Mais influente que um presidente, o general iraniano Qassem Soleimani, morto em Bagdade num ataque dos Estados Unidos, começou a ganhar fama como combatente na guerra entre o Irão e o Iraque. Filho de uma família de agricultores pobres, começou a trabalhar na construção civil aos 13 anos. Anos mais tarde, tornou-se numa figura temida pelos EUA.

Escalada de tensão EUA-Irão

EUA matam general iraniano em ataque aéreo. Irão promete "vingança terrível"

O presidente dos EUA, Donald Trump, ordenou um ataque aéreo contra o aeroporto internacional de Bagdade que resultou na morte do general iraniano Qassem Soleimani. Irão promete vingança e considera que "o ato de terrorismo internacional dos Estados Unidos (...) é extremamente perigoso e uma escalada imprudente". Embaixada recomenda que cidadãos norte-americanos saiam do Iraque "imediatamente".