Anarec

Economia

Companhias de aviação vão perder este ano 3,5 mil milhões

O sector da aviação vive uma crise sem precedentes e, se para a maioria das companhias 2008 é considerado o pior ano para a actividade aérea, a Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA) veio ontem avisar que as dificuldades vão continuar em 2009. A associação, que representa mais de 240 companhias aéreas, revelou que o sector vai encerrar 2008 com perdas superiores a 3,5 mil milhões de euros, valor que no próximo ano deverá ultrapassar os 2,9 mil milhões de euros (à taxa de câmbio actual).

Economia

"Isto do povo calmo e sereno já tem os dias contados!"

Na Ponte 25 de Abril e na do Pragal o trânsito fluía perto das 18.00 horas. Nada acima do habitual, nem em número de viaturas nem em decibéis. No local onde há 14 anos uma pesada manifestação contribuiu para fazer ruir o Governo, a travessia era feita apenas com uma ou outra buzinadela, mas nada que fizesse parar o trânsito. "Estou aqui há algum tempo e não ouvi nenhum buzinão", diz visivelmente surpreendido o condutor de um carro, que estava parado perto da ponte do Pragal.