Ana Catarina Mendes

Ana Catarina Mendes

As liberdades de novo em causa

1. A votação em Bolsonaro, no Brasil, foi apenas um episódio mais na tendência, que se aprofunda e dissemina todos os dias, de ameaça às liberdades que pensávamos adquiridas. O ressurgimento dos populismos antidemocráticos é, talvez, a face mais visível dessa ameaça, mas não a única. A liberdade é hoje também posta em causa por usos das tecnologias que as transformam em instrumentos poderosos de vigilância e de manipulação coletivas, por agentes públicos ou privados. Ou, de forma mais insidiosa e com roupagens tecnocratas, pela desvalorização da democracia, preterida em favor de formas de dominação autoritária que seriam legitimadas pelos seus resultados no plano da melhoria das condições de vida das populações. Em resumo, as más notícias acumulam-se, vindas de oeste como de leste, de norte como de sul.