Álvaro Beleza

Banca

Défice de capital nacional, o nosso calcanhar de Aquiles

Abanca portuguesa tem um problema grave, uma vez que a economia nacional estagnou num estádio intermédio de desenvolvimento, do qual não consegue sair há cerca de duas décadas. É um problema de falta de crescimento. É um problema de fraca produtividade e, por consequência, de baixa rentabilidade média dos negócios. É isto que explica a fraca performance dos empréstimos que a banca concede às empresas, e, em muitos casos, o seu crédito malparado.