Adalberto Campos Fernandes

Adalberto Campos Fernandes

Menos pessoas, mais vulneráveis, mais dependentes

O Instituto Nacional de Estatística (INE) antecipou a divulgação dos dados, prevista para 28 de fevereiro, relativos ao Censos 2021. As principais conclusões mostram um país em estagnação demográfica com um decréscimo populacional (menos 214 286 pessoas), na última década, que corresponde a 10 344 802 milhões de residentes em 2021. De assinalar que este decréscimo ocorre pela primeira vez, desde 1970. Para tal contribuiu um saldo natural negativo (-250 066 pessoas) que nem mesmo o saldo migratório positivo conseguiu compensar.