À procura

Premium

Pedro Marques Lopes

Os Bannons à portuguesa

Oitenta e cinco e deputados acham que a comunidade não deve defender jovens em situações de particular fragilidade, nem dar formação ao pessoal do sistema educativo para que melhor se possa evitar situações de discriminação. Como resumiu Fernanda Câncio na edição da semana passada deste jornal, estes deputados "acham que o Estado zelar para que todos os alunos se sintam confortáveis com a sua identidade de género/sexual, ou seja, com aquilo que são, e não tenham problemas em assumi-lo, é inconstitucional".