Tribunal absolve mulher filmada a encomendar morte do ex-marido

Arguida, de 38 anos, pagava 175 mil euros a dois homens pelo crime

Fernanda Salomé Oliveira, que foi filmada a encomendar a morte do ex-marido em 2013, foi absolvida esta quinta-feira pelos juízes do Tribunal de S. João Novo, no Porto. O tribunal deu como provado que a arguida, de 38 anos, encomendou a morte do ex-marido, um advogado portuense, mas considerou que não passou de uma "tentativa de instigação", revela o Jornal de Notícias.

Fernanda Oliveira estava acusada de ter oferecido 175 mil euros a Alfredo Damas, de 44 anos, igualmente arguido no caso, e ao segurança Fernando Teixeira. Foi este último quem filmou as reuniões que teve com com a mulher, denunciando o caso às autoridades.

Alfredo Damas também foi absolvido, sendo que os juízes consideraram ainda que não ficou provado que Fernanda Oliveira quisesse a morte da atual companheira do ex-marido e da antiga sogra.

A arguida deverá agora pagar uma indemnização ao ex-marido, no valor de dez mil euros, por danos não patrimoniais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG