Militar da GNR atropelado em Mangualde com "prognóstico reservado"

O militar tinha sido chamado ao local devido a um despiste e estava a controlar o trânsito quando foi atropelado

O militar da GNR que ficou gravemente ferido no domingo depois de ter sido atropelado numa estrada do concelho de Mangualde encontra-se com "prognóstico reservado", disse hoje à agência Lusa fonte hospitalar.

"Está com prognóstico reservado, nos cuidados intensivos", informou fonte do Gabinete de Comunicação e Imagem do Centro Hospitalar Tondela Viseu.

Segundo o comando-geral da GNR, o militar ficou gravemente ferido depois de ter sido atropelado por um carro desgovernado na Estrada Nacional 16, para onde se dirigiu por causa de um acidente.

O atropelamento ocorreu pelas 16:30, na freguesia de Cunha Alta, quando o militar foi abalroado por uma viatura ligeira de passageiros.

O militar da GNR tinha sido chamado ao local devido a um despiste e estava a controlar o trânsito quando foi atingido pelo veículo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG